Nov
23
Programa Repense

Formação Livre em Saúde Integrativa

Instituto Ibietê - Marechal Floriano / ES (1h30 de Vitória)

23 de Novembro de 2019, 09:00h - 18 de Outubro de 2020, 15:00h

O quanto eu reconheço da minha luz e da minha sombra? Quais as minhas habilidades, virtudes, pontos fortes? Eu vivo meu sonho? A vida que eu tenho hoje me faz feliz? Qual o caminho da felicidade? O que preciso trabalhar em mim? O que desejo me preencher para transbordar? O que preciso me livrar? Como lidar com autoconhecimento? Como compartilhar a felicidade? Como lidar com as adversidades? Qual a minha história?

Trazemos você para repensar a sua saúde de forma mais integral. Conheça as novas terapias como ayurveda, thetahealing, reiki, yoga, meditação, acumpuntura, constelação familiar e tantas outras que buscam o bem estar do indivíduo e um tratamento mais natural!

1º Módulo: Microcosmo Humano

Olhar o mundo, olhar o humano e compreender nossas conexões nessa teia fractal. A forma como vemos o mundo influencia diretamente em nosso entedimento da saúde. Nessa perspectiva compreendemos que tudo que precisamos para nos equilibrar pode ser achado dentro e fora de nós. Reconhecendo os padrões da natureza podemos assumir nosso papel de criatura criadora, capaz de trabalhar nas diversas dimensões dessa realidade fractal, moldando-a através de nossas inspirações, intenções, pensamentos e ações.

Visões Ocidental e Ancestral da Saúde
                Podemos perceber nas últimas décadas grandes mudanças nos cuidados em saúde. Vem crescendo a procura e oferta de trabalhos no campo dos cuidados preventivos, integrativos e holísticos. Essas práticas procuram cuidar e analisar a saúde através de uma visão abrangente do ser humano, utilizando em seus tratamentos métodos naturais, mudanças de hábitos, práticas corporais, meditação.
                Essa abordagem contrasta com a medicina alopática, com suas químicas laboratoriais e exames através de equipamentos complexos e caros, mas que em muitos casos focam na patologia e acabam por suprimir o desconforto, sem resolver suas causas.
                Ambos buscam melhorar a qualidade e duração da vida humana, mas seguem por caminhos muito diferentes, por vezes complementares, possuindo potenciais e limites distintos
                 O conceito de saúde da medicina ocidental está diretamente ligado à sua constituição e história. Vamos percorrer essa trilha para compreender como este saber se constituiu e analisar as mudanças mais recentes, que nos colocam em contato com conhecimentos de culturas ancestrais como a medicina chinesa, ayurvédica e xamânica.

Fractais e o corpo humano
               A proporção áurea e a geometria sagrada podem ser observadas em diferentes escalas da existência, estas correspondências nos fazem perceber uma matriz comum entre o macrocosmo e o microcosmo. A partir dessa perspectiva compreenderemos o corpo humano como um reflexo de todo o universo, avaliando as implicações dessa relação no conceito de saúde.
              
  Meditação em 4 tempos e meditação em pé
                Essas duas formas de meditação são muito simples e muito potentes. A meditação em 4 tempos nos dá uma ótima forma de iniciar ou aprofundar o controle e consciência respiratória. A meditação em pé ativa todo nosso corpo e permite um momento de homeostase, onde o corpo pode se equilibrar em seus variados níveis. A medida que a prática avança o corpo começa a equilibrar camadas cada vez mais profundas.

Consulta ao I Ching
                O I Ching é um antigo livro chinês que pode ser traduzido como “Clássico das Mutações”. É um estudo das transformações da energia em seus aspectos yin e yang. Na visão taoísta essa matriz é a base da manifestação de todas as coisas, os 10.000 seres.
                Por ser a base de todos os fenômenos, pode também ser utilizada como um instrumento oracular, que pretende nos esclarecer em que direção alguma situação de nossa vida está se transformando. Experimentaremos acessar o I Ching através do método do Oráculo da Floresta da Pérola de Fogo.


 

2º Módulo: A Fonte Criadora

A vida é uma dávida, fruto da abundância da potência criadora, a origem de todas as coisas. Como parte dessa co-criação infinita, carregamos em nós essa centelha divina, uma fonte inegostável que pode ser acessada no mais íntimo de nosso ser. Tudo que pensamos, sentimos e dizemos influencia fortemente nossa realidade, quer estejamos conscientes disso ou não. Utilizando uma grande variedade de métodos podemos nos conectar a diferentes frequências da criação e participar ativamente da criação de nossa própria realidade.

Conectar-se com a fonte 
                A Meditação é um recurso que comprovadamente tem um enorme potencial para melhorar nossa saúde. Em diversas culturas ancestrais a meditação possui um papel central nas práticas de bem-viver, melhorando a qualidade de vida e longevidade. Como pode algo tão simples ser tão podereoso?
                Apesar de muito discutida e conhecida, a prática da meditação muitas vezes é mal compreendida, percebida com um excesso de rigidez e seriedade, afastando muitas pessoas por acreditarem que “não conseguem meditar”. Discutiremos esses dogmas da meditação, apresentando perspectivas que colocarão a meditação como experiência possível a todos, uma aventura em nossa própria consciência, para ser levada com leveza, relaxamento e curiosidade.
                A meditação é um meio de acessar nossa fonte interior, isso pode ser feito de inúmeras formas, A partir do momento que paramos de nos mover para fora, repousamos e relaxamos, permitindo que a energia abundante que brota dessa fonte se acumule em nosso ser.

Meditação do balbucio
               
A maior barreira à nossa conexão com a fonte criadora é o excesso mental a que estamos submetidos. A mente só conhece dúvidas, análise e separação, através dela não podemos acessar nossa união com o todo.
                Para muitos a meditação parece impossível ao acrditarem que para meditar precisam sentar em silêncio absoluto, por dentro e por fora. Ao fazer isso a sinfonia dissonante da mente fica nítida, podemos perceber camadas e camdas de pensamentos.
                Esta técnica de meditação vai no sentido oposto, vamos falar e fazer barulho, vamos incorporar o próprio burburinho de nossas mentes para poder nos descarregar deste excesso.

A mente criativa, o verbo e a co-criação
                Você está consciente de seus pensamentos e palavras? O que você diz condiz com o que você pensa? O quanto esses fatores impactam os acontecimentos de sua vida? Seus sentimentos? Suas relações? Sua saúde?
                O pensamento é a materia-prima de tudo o que existe, o verbo vibra a matéria e pode alterar sua frequência, seus modos, sua configuração. Muitas vezes utilizamos essas ferramentas sem a devida atenção e cuidado.
                Percebendo e eliminando velhos padrões, trabalhando com afirmações positivas, utilizando esses recursos de forma consciente, podemos ocupar o papel de co-criadores de nossa realidade.

Saúde e Espiritualidade              

O espírito representa a centelha divina, nossa conexão com a unidade suprema.  Independente da roupagem que decidimos dar a esse aspecto, a espiritualidade pode nos trazer a sensação de contentamento, propósito e sentido de vida.  
               
Buscando compreender o que nos toca e o que nos faz vibrar no âmbito da espiritualidade podemos usar conscientemente essa potência do espírito em nosso interior, lidando com energias sutis que participam de nosso cotidiano.

Rezos, Preces e Mantras
               
O som sempre foi usado como um recurso central na espiritualidade, nos cânticos, hinos, preces, rezas, palestras, parabolas e sermões que sustentam as mais diferentes religiões e correntes ligadas à espiritualidade
                Compartilharemos cânticos, preces, mantras e mudras, experimentando seus efeitos e as formas como podem ser utilizados para nos ajudar a sintonizar em diferentes frequências.
 

3º Módulo: Examinando o Ser

Pra decidir como agir precisamos observar, analisar, compreender de froma ampla quem somos e a situação em que estamos. Para saber como nos cuidar, rumo a uma vida de mais bem-estar e harmonia, precisamos nos encarar, nas luzes e sombras que nos habitam. Encontraremos pistas dentro e fora de nós, em nossos olhos, nos planetas, na consulta aos oráculos para nos ajudar a definir quais questões são centrais para nosso bem-estar e onde estamos colaborando ou dificultando uma vida mais harmoniosa.
                O quanto a vida que levamos condiz com nossos anseios mais profundos? Com nossa visão de mundo? Com nosso senso de sentido e propósito? O quanto do que vemos em nós, do que queremos, é realmente nosso? O quanto fomos influenciados por diferentes pressões, nos adaptando às condições e deixando de lado nossos sonhos?
                Estas pistas nos ajudarão a encontrar nosso lugar, decidir como queremos caminhar, buscando uma forma de viver que seja verdadeira diante de tudo que habita no âmago do nosso ser.

Irodologia Comportamental
                A Iridologia é a ciência que estuda a constituição da Íris para compreender as tendências e padrões comportamentais únicas a cada indivíduo. Aprederemos mais sobre esta ciência, como reconhecer nos padrões da íris as formas e sinais que expressam tendências comportamentais.
                Com esse conhecimento poderemos avaliar as tendências naturais de comportamento do indivíduo, para saber se a vida que leva estão condizentes ou contrárias  ao que ele carrega no âmago do seu ser.

Jornada do Animal de Poder

                Segundo a tradição Xamânica cada pessoa possui um animal que o acompanha e
possui maior afinidade com suas características, dons, forma de pensar, agir, ver o mundo.  Reconhecer este animal pode ser esclaracedor quanto a nossas possbilidades e necessidades pessoais, ajudando em nosso autoconhecimento.
                O toque de tambores xamânicos ajuda a alterar nossa frequencia mental, intensificando nossa percepção e, conduzidos em uma meditação guiada podemos nos ecnontrar com este animal e até conversar com ele, recebendo mensagens sobre nós e sobre sua presença em nossa vida.

Métodos oraculares
                Os métodos oraculares servem para acessar percepções e infomações que muitas vezes ficam ocultas à nossa percepção consciente. Através de diversos tipos de oráculos, focaremos nas questões que julgamos centrais ou que temos dificuldade para lidar e compreender, buscando esclarecer novos trajetos e novas forma de lidar com esses desafios

Mapa astral

                Os movimentos dos astros influenciam a vida na terra, do Sol que molda as estações do ano à Lua que domina as marés, as plantas e toda água do planeta. O mapa astral nos apresenta a  configuração do céu no momento de nosso nascimento. Esse mapa pode nos ajudar a compreender nossas características nos planos mental, emocional, nossa personalidade, nosso propósito, nossos desafios e nossa expansão. Aprenderemos em linhas gerais como identificar e analisar os pontos centrais do mapa astral

Gourishankar (meditação dos himalaias)

A Meditação dos Himalaias nos levará a um mergulho profundo em nosso interior. Aprimorando nosso controle respiratório vamos experimentar essa técnica de respiração de ciclos longos, que nos fará sentir como se estivessemos no alto dos himalaias.

Caminhar Zen

O Zen Japonês acredita na vida mundana como a verdadeira vida da espiritualidade. Este movimento filosofico não possui escrituras ou grandes livros, o que propagou a sua existência e visão de mundo foram as histórias dos mestres e algumas charadas paradoxais e impossíveis, os koans.
Uma das formas da meditação para o Zen é caminhar com atenção plena a cada movimento, a cada passo.
Expserimentaremos essa caminhada em uma trilha na natureza para redescobrir as possibilidades do caminhar, nos revelando que a mudança em nosso estado de atenção pode transformar até os atos mais simples e banais de nosso cotidiano

4º Módulo: A Cura Pelas Mãos

Nas história de variadas civilizações podemos encontrar relatos de curas realizadas por imposição de mãos. As mãos operam funções refinadas em nossas vidas, participam da nossa expressão, manipulam objetos, ferramentas, criam arte, música, transmitem afetos. Quando nos machucamos, naturalmente colocamos as mãos sobre a região afetada, num sinonimo de proteção e cuidado.
                Compreendendo esse potencial de cura em sua atuação sobre os corpos sutis, direcionando nossa intenção nessa troca, podemos contribuir para nosso bem-estar e daqueles à nossa volta.
                Tendo como referência o Reiki Usui e Tibetano, praticaremos técnicas para nos sensibilizar para as energias sutis, para aprimorar nossa sáude e harmonia pessoal e para compreender o melhor caminho para auxiliar outras pessoa em seus processos de cura.

O corpo energético

               
A imposição de mãos no reiki é uma canalização da energia universal para equilibrar a aura de quem está recebendo o tratamento.
                Estudando as características dos chakras, seus orgãos e emoções associados, reconhecendo os sinais que apontam sua harmonia ou desequilíbrio, somos capazes de decidir de forma mais assertiva a condução do tratamento e acompanhar a evolução ao longo das sessões de reiki

Aprimorando o canal de cura

                Ao trabalharmos com as energias sutis dessa técnica, é preciso sensibilidade, serenidade, abertura, escuta atenciosa, empatia.
                Para adentrar nestes trabalhos terapeuticos, para servir ao próximo e trazer benefícios significativos ao seu bem-estar, precisamos estar buscando o mesmo para nós.
                Diversas técnicas e exercícios podem nos ajudar a harmonizar nosso corpo e nossos chakras, a desenvolver nossa sensibilidade para os corpos sutis, manter nossa mente clara para acessar nossa inteligência intuitiva de nosso eu-superior.
                Vamos praticar alguns desses exercícios, conhecendo estas ferramentas para harmonizar nosso ser, para estarmos em nossa melhor condição para o processo de canalização.

Sintonização Reiki Nível I

                A sintonização em  reiki no nível I conecta o novo reikiano à energia universal (Rei), abrindo o caminho para que ele pratique a imposição de mãos para curar a si mesmo e a outras pessoas. Esse nível é conhecido como ‘O Despertar”, onde novas possibilidas e novas visões da realidade passam a integrar a vida do praticante

Técnicas do Reiki

               O Reiki funciona a partir das nossas inteções, afirmações e mentalização. Por isso é uma ferramenta muito versátil, onde podemos criar nossas próprias formas de aplicar o reiki.
                Como base para iniciar esse estudo aprenderemos algumas técnicas já utilizadas e atestadas por diferentes praticantes.

Sintonização Reiki Nível II

                Na sintonização de nível II, passamos a utilizar símbolos específicos para potencializar o efeito da canalização de Reiki, aprenderemos novas formas de direcionar a energia para os corpos emocional e mental.
                Com essa variedade mais ampla de técnicas passamos a viver “A Transformação”, tema central do nível II, onde podemos trabalhar sobre nossa história pessoal, padrões de pensamento e questões emocionais.
                Aprenderemos técnicas com os novos símbolos, podendo direcionar a canalização para limpeza de ambientes, harmonização e bloqueio de nossos chakras, programar o reiki para momentos importantes no futuro, trabalhar questões do passado ou enviar a energia à distância para pessoas que desejamos auxiliar mas não podemos encontrar pessoalmente..
 

5º Módulo: Pulsação da Vida

                O sopro da vida pulsa em tudo que existe. Essa pulsação está dentro e  fora de nós, nas mais diferentes escalas. Sabendo reconhecer esses ritmos podemos acompanhar o fluxo da vida, nos permitindo utilizar a quantidade adequada de energia para realizar aquilo que buscamos
                A vida segue sempre em constante mudança, mas essas transformações seguem alguns padrões, estudaremos esses padrões para poder reconhece-los e usá-los a nosso favor.
                Nas últimas decadas nossa sociedade desenvolveu diversos recursos que nos permitem nos desconectar dos ciclos naturais. Quais são as possibilidades e consequências do nosso poder de interferir ou nos desconectar dos ciclos naturais:?
                O quanto reconhecemos e respeitamos nossos ciclos? O quanto nos agarramentos a um ou outro pólo que julgamos mais valioso, certo ou importante?
                A consciência da constante mudança da vida nos permite aproveitá-la de maneira mais completa, entendendo que cada fase tem seu momento e que pode e deve ser desfrutada pois sua presença em nossa história é momentanea.

Polaridade

                A vida em todas suas facetas é um fenômeno respiratório, uma pulsação constante. Isso está em nosso coração, em nossa respiração, nas estaçõe ao longo do ano, no ciclo lunar.
                Esses ciclos superiores (solar e lunar) coordenam e orientam a vida dos seres na Terra, havendo sistemas específicos em nossos corpos para reconhece-los e acompanha-los.
                O pensamento chinês compreende essa pulsação através do conceito de YinYang, simbolizado pelo TaiJiTu (popularmente chamado de “Símbolo do Yin e Yang”). Todo adoecimento pode ser entendido como um desequilibro entre as diversas facetas yin e yang dentro e fora de nós.

Os movimentos elementais

                Da noção da polaridade, vemos a dfierenciação da energia evoluir para o que chamamos de elementos. Com nomeclaturas que variam de acordo com a cultura de origem, estes movimentos nos mostram nuances mais diferenciadas da polaridade, nos permitindo uma análise mais minuciosa das mutações da energia em nós.
                Esse conceito de elemento tem uma posição central em diferentes sistemas, na medicina chinesa, no xamanismo, na ayurveda, na astrologia

 Sociedade contemporânea e o desequilíbrio dos ciclos

                As tecnologias que hoje participam de nossas vidas, às quais recorremos diariamente, não fizeram parte da constituição e desenvolvimento humano em sua história milenar.
                Da poluição à luz elétrica, nossas tecnologias interferem nos ciclos naturais e nos nosso ciclos pessoais. Vemos hoje os perigos e efeitos do uso indiscrimando da tecnologia, seja nas ilhas de plástico nos oceanos, vazamentos nucleares, efeitos danosos do uso de agrotóxicos.
                Nossa sociedade também propõe uma postura constantemente ativa, expansiva, competitiva. A sociedade valoriza prinicpalmente uma posutra Yang. Onde esse desequilibro se manifesta no social e em cada um de nós? Como podemos construir alternativas pra esse desequilíbrios?

6º Módulo: Tai Chi Chuan e Alquimia Taoísta

                A alquimia taoísta foi desenvolvida por milhares de anos em diferentes impérios chineses na busca pela vida longa e imortalidade. O conhecimento se baseia no conceito do Tao (traduzido como “Caminho”) que não pode ser compreendido ou explicado, mas pode ser praticado e experimentado.
                A cultura taoista possui uma cosmologia única e também seu próprio conceito de ética e moralidade, onde a forma correta de viver consiste em agir baseado na dinâmica da própria natureza. Um dos métodos mais completos para alcançar essa harmonia e experimentar o Tao na prática é o TaiChiChuan.
                Desenvolvida como arte secreta, numa pequena vila no interior da China, essa prática corporal funde exercícios de alquimia taoísta, respiração profunda, artes marciais e meditação em movimento. Hoje sendo a arte marcial mais praticada do mundo tem tido espantosos resultados na recuperação e prevenção em diversos problemas de saúde
               
XinZhaFa (Método de acalmar o coração)
                O taoísmo é uma filosofia baseada na simpliciade e seus métodos meditativos seguem  no mesmo sentido. Considerados como métodos para acalmar ou esvaziar o coração, as meditações taoístas visam esquecer os problemas, permitindo um momento de relaxamento, presença, não-ação, nos aproximando do Tao.

BaDuanJin (Oito brocados de ouro)

                Essa antiga forma de QiGong acompanha a cultura chinesa há mais de 1000 anos e é praticada por diferentes escolas de artes marciais e da filosofia taoísta.
                O nome significa Oito Brocados de Ouro e refere-se a 8 movimentos de QiGong que trabalham todos canais dos diferentes órgâos e vísceras do corpo, melhorando a saúde geral de todo o organismo.
                Apesar de serem posturas estáticas elas beneficiam os sistemas circulatório, respiratório, cardíaco, ajudando também a desenvolver força, consciência corporal, a respiração, o realxamento e o bem-estar emocional.


Zhan Zhuang (Postura da estaca)
               
Dentre os milhares de diferentes tipos de práticas de QiGong, o ZhanZhuang (postura da estaca ou postura da árvore) é considerado o mais completo e mais importante, e permaeneceu um segredo até o final do século XX.
                Compreenderemos alguns conceitos e o funcionamento desta prática, praticando e  entendendo como algo tão simples pode trazer tantos benefícios. Nos níveis iniciais essa prática atua sobre o tonus muscular e a respiração, mas com o aprofundamento nessa técnica é possível alcançar a regulação de hormônios e dos órgãos, o que pode contribuir consideravelmente para o aumento da longevidade e uma saúde vibrante

Chan Si Gong  (Desenrolando o fio de seda)
              
Aprenderemos os movimentos e conceitos básicos do estilo Chen de Tai Chi Chuan.
                Três princípios são fundamentais para que os movimentos do Tai Chi tenham seu efeito sobre o qì: Alinhamento correto do corpo, relaxamento da parte superior do corpo e respiração profunda.
                Saber alcançar e reconhecer estes aspectos depende de prática e do desenvolvimento da consciência corporal, mais do que qualquer entendimento teórico.
                Praticaremos os diferentes movimentos do ‘desenrolando o fio de seda’ durante todo o módulo, estes são os movimentos de base para iniciar a prática do TaiChi.
                A partir daí o praticante poderá avançar em seu estudo pessoal, alcançando níveis cada vez mais profundos de auto-percepção e sendo capaz de acumular, sentir e utilizar com sabedoria sua energia vital.
 

7º Módulo: Ponte Entre o Céu e a Terra

Nós humanos, à semelhança das árvores somos uma ponte que media a relação que cira toda a vida, a relação entre o Céu e a Terra.
                Nessa posição privilegiada podemos nos conectar e atuar sobre as energias que costituem esses dois planos superiores da realidade. Também semelhante as árvores quanto mais profunda forem nossas raízes, mais frondosa será nossa copa, nossas asas para explorar o céu.
                Como me conecto ao céu? À ação e a criatividade? Como me conecto à Terra e ao recolhimento? Ao centramento e conexão com o material? A partir deste entendimento não cabe escolher entre um dos dois, mas buscar nos mover equilibradamente nestes reinos para alcançarmos nosso potencial humano em sua plenitude

Fisiologia energética
                Nosso corpo em sua totalidade existe em uma grande variade de frequências da energia, possuindo recursos para atuar sobre elas. As culturas orientais trazem estudos milenares sobre a dinâmica do corpo energético humano. Abordaremos diferentes perspectivas desse assunto, centrados sobre a visão dos 7 chakras do corpo e da influência desses centros energéticos sobre toda nossa saúde

Meditação da árvore
                As árvores são grandes professoras sobre como levar uma vida abundante. Silencioas mas vibrantes em vida, elas se sustentam firmes no chão e são flexíveis ao vento. Crescem com as podas e oferecem suas flores e frutos em abundância e sem julgamentos.
                Meditando como uma árvore, entre as árvores, dentro das árvores, podemos nos aproximar da forma de ser dessas grandes professoras e levar bons frutos para nossa vida.               

A influência do ambiente

Nosso ambiente está constantemente impactando nossa percepção e nos oferendo diferentes tipos de nutrição e estímulos. Como eu me relaciono com meu ambiente interno e externo? Quais ambientes tenho habitado e como eles me fazem sentir? O que eles me fazem pensar e vibrar?
A energia do ambiente é um dos pilares da qualidade de nossa energia vital.
Quais recursos podemos dispor para equilibrar esses ambientes e tornà-los mais favoráveis ao nosso cultivo da energia vital?
 

Cristaloterapia

As rochas e pedras em suas variadas formas cores e composições acompanham a humaniade desde seus primórdios estando presentes em templos, cerimônias, jóias e instrumentos de poder.
Cada pedra possui propriedades distintas e podem ser usadas para proteção, energização, equilíbrio dos chakras, captação e emenação de intenções e energia servindo para potenciaizar nossos trabalhos energitcos, fortalecer nosso corpo e nossa aura e captar e desviar energias nocivas
Aprenderemos os conceitos de seu uso, conheceremos as principais características de algumas pedras de fácil aquisição para podermos incluí-las em nossas práticas terapeutas no auto-cuidado e no cuidado aos outros.

8º Módulo: Cuidando do Templo

Nosso corpo abriga uma complexidade impressionante, somos uma verdadeira sociedade, uma relação entre células, órgãos, tecidos, fungos, bactérias, elementos. Nessa complexidade, nossos orgãos e glandulas estão trabalhando constantemente para nos manter na melhor condição possível, quantas vezes retribuímos esse esforço contínuo?
Aprender a nos cuidar e nos amar é fundamental para alcançarmos uma saúde plena. Podemos cuidar de nós mesmos, cuidar dos outros ou sermos cuidados por eles, de qualquer forma os cuidados abastecem nosso ser e potencializam nosso bem-estar e prazer na vida, nos levando a uma visão mais abundante da existência.

A cura pelo toque
A massagem  pode nos trazer conforto e relaxamento, mas também pode nos ajudar a acessar marcas profundas que se expressam em nossa constituição corporal, em nosso tônus muscular e em nossa postura física.
Aprenderemos os conceitos básicos da  massagem podendo compartilhar esse cuidado conosco e com nossos semelhantes, conhecendo pontos centrais do corpo que podem ser utilizados em situações de desconforto.
               

Estratégias em Anamnese

Para cuidar de alguém, antes de qualquer ferramenta terapeutica precisamos nos conectar, conhecer e ouvir a pessoa que busca nossos cuidados. A capacidade de um bom diagnóstico é fundamental para que possamos encaminhar adequadamente um tratamento e pode ser o diferencial para que nossas práticas terapeuticas sejam mais profundas e efetivas.
Muito mais do que informações precisamos buscar observar, ouvir, sentir em produnidade o universo que cada um carrega.
Discutiremos diferentes ferramentas para poder realizar essa avaliação em diferentes níveis, o que vai escalarecer quais ferramentas e tratamentos serão mais adequados para cada caso.

Radiestesia

                A radiestesia é um método para se sensibilizar a reconhecer e utilizar as diferentes radiações e frequências que todos os seres e objetos emanam.
Através de um pêndulo de cristal ou outros materiais podemos acessar e organizar a energia de ambientes, pessoas, animais.
                Neste módulo utilizaremos a radiestesia para reconhecer os pontos de nosso corpo energético que precisam de nossa atenção e cuidado, buscando as melhores formas de realinhá-los e recuperar o equilíbrio

Cuidados na rotina

               
Quanto tempo reservamos em nosso cotidiano para nosso cuidado, nosso descanso, nosso relaxamento?
                Apesar de termos a necessidade de momentos de restauração, somos muitas vezes pressionados a deixar esses cuidados em segundo plano, pois são geralmente considerados como opcionais ou supérfluos diante das necessidades de ação e produção.
                Reconhecer em nossa rotina o quanto estammos nos dedicando a nós mesmos é fundamental para buscarmos o equilíbrio entre usar e conservar nossa energia.
                Rastrearemos entre nosso hábitos diários quais restauram e quais consomem ou esgotam nossa força, para construir um plano de ação que nos permita dedicar-mos mais a nós mesmos como uma forma de agradecimento e carinho ao nosso ser.
                Construindo essa estratégia e sendo capaz de aplicá-la em nossa vida teremos a autenticidade e consciência necessaria para inspirar e orientar outros que busquem encontrar esse equilíbrio em suas vidas.
 

9º Módulo: Cuidando do Templo

Nosso corpo abriga uma complexidade impressionante, somos uma verdadeira sociedade, uma relação entre células, órgãos, tecidos, fungos, bactérias, elementos. Nessa complexidade nossos orgãos e glandulas estão trabalhando constantemente para nos manter na melhor condição possível, quantas vezes retribuímos esse esforço contínuo?

Aprender a nos cuidar e nos amar é a fundamental para alcançarmos uma saúde plena. Podemos cuidar de nós mesmos, cuidar dos outros ou sermos cuidados por eles, de qualquer forma os cuidados abastecem nosso ser e potencializam noss bem-estar e prazer na vida, nos levando a uma visão mais abundante da existência.

Radiestesia e Cristaloterapia

A cura pelo toque com Massagem  

10º Módulo: Portas do Céu e da Terra

Ao nascer respiramos e passamos a nos alimentar, essas duas fontes continuam por toda vida como meio principal para abastaceremos a energia que nosso corpo precisa para manter seu metabolismo. Como um ser conectado ao céu e à terra o humano se alimenta e troca com esses planos de existência. Comprrender do que estamos no nutrindo e o que estamos emanando, como respiramos, como nos alimentamos, nos ajuda a ver nessas portas um meio para nos harmonizar.

A porta do céu
A respiração é a primeira nutrição do corpo logo no nascimento, a forma mais imediata de absorver prana, qi ou energia. É também uma função ao mesmo tempo involuntária e voluntária podendo ser uma ferramenta para regulação de nossas emoções e de nosso sistema nervoso central. Vamos experimentar nossa respiração para perceber essa relação e compreender o papel central da respiração na atuação terapeutica.

Pranayamas
Os pranyamas são técnicas respiratórias desenvolvidas pelos Indianos há milhares de anos e que exploram diferentes formas de respiração, relacionando-as aos efeitos que tem sobre o corpo. Nesse exercício vamos perceber os efeitos de cada tipo de respiração e teremos um leque de possibilidades para utilizá-la a nosso favor de acordo com a necessidade de cada momento.

Porta da terra
Os alimentos que recebemos da terra são a base para a produção do sangue que é o combustível de todas as células do nosso corpo. Na atualidade nossa alimentação é inundada por substâncias artificais, agrotóxicos, corantes, conservantes, alterando suas função em nosso corpo, servindo como uma satisfação do paladar sem conseguir nutrir as necessidades de nosso corpo.

Dietoterapia
Os alimentos que participam de nosso cotidiano e principalmente os alimentos sazonais e originais da região onde vivemos podem facilmente atuar como remédio para todo tipo de desconforto ou adoecimento.
Através do uso correto e consciente das combinações alimentares, do uso de ingredientes e temperos, podemos potencializar nossa saúde e equilibrar nosso corpo, sem abandonar o prazer e conforto que uma boa refeição pode trazer

Alimentação em plena consciência
Experimentaremos a alimentação em plena consciência, uma técnica que nos ajuda a nos conectar ao momento de nos alimentar. Enquanto muitos de nós criamos o hábito de comer com pressa, assistindo à telas, ou realizando alguma outra atividade, perdemos a conexão com nossos sentidos e com o ato de comer. Nessa prátca vamos buscar nos conectar profundamente à alimentação, percebendo a magia e o prazer desse momento.

Práticas de Jejum
O jejum é um recurso poderoso para aumentar nossa sensibilidade, desintoxicar nosso corpo e nos trazer maior consciência sobre nossos processos internos. Os jejus podem durar algumas horas ou mesmo dias, podem ser direcionados a alguns alimentos ou grupos alimentares.
Aprenderemos os principais tipos de jejuns e dietas, compreendendo seu funcionamento, forma adequada e contexto de aplicação

11º Módulo: Os Sentidos

Uma forma de nutrição que poucas vezes consideramos como tal é a nutrição dos nossos órgãos de sentidos. Com a grande quantidade de informações a que estamos constantemente submetidos, nutrimos nossos sentidos com os mais diversos estímulos muitas vezes sem discernir quais nossas necessidades. Expeirmentaremos diferentes estímulos e quais os impactos e reverberações desses estímulos sobre nossos sentimentos, sensações e pemsamentos.

Aromaterapia

Quantas vezes os cheiros nos transportam para memórias? Para eventos e momentos específicos da nossa vida? Os aromas são responsáveis por ativar ou desacelerar diferentes áreas cerebrais, tocam nossas emoções, nos trazem calma, inspiração ou ânimo
Conheceremos fragrâncias espceíficas para essas diferentes finalidades e as formas de utilizar esses aromas em difusores, óleos corporais, aromtizadores de ambientes entre outros.

Musicoterapia

Os sons vibram a matéria e tem um efeito profundo sobre nossas emoções. Através de música podemos nos acalmar, nos animar, acessar emoções profundas e  alcançar estados alterados de consciência. Experimentaremos os efeitos da música em nossos ser, conhecendo alguns instrumentos que notadamente possuem efeitos terapeuticos.

Cromoterapia
As diferentes frequencias luminosas funcionam como uma assinatura energética. Cada cor possui uma frequência de onda diferente que ressoa com características particulares em sentimentos, experiências, nossos chakras. Essas cores podem ser usadas para complementar e potencializar processos terapeuticos.
Essas cores atuam desde a roupa que vestimos, a cor dos ambientes que habitamos, dos nossos intrumentos de trabalho, até o uso direto de lampadas coloridas para finalidades específicas.

Ritual de despertar dos sentidos
Nossos sentidos nos concetam ao mundo exterior e interior, interpretam uma constante troca de informações com o mundo ao nosso redor. Vivendo uma sociedade racional-visual muitas vezes perdemos a conexão com a potência de nossos diferentes sentidos.
Através da modulação da nossa atenção, de técnicas de meditação e da inibição temporária de alguns de nosso sentidos podemos aprofundar nossa experiência sensorial.

Técnicas de limpeza dos órgãos de sentidos
Os órgãos dos sentidos são portas que se abrem para o mundo, por onde circulam estímulos variados de acordo com os ambientes que habitamos.
Esses órgãos trabalham continuamente e muitas vezes não dedicamos a eles cuidados adequados, podendo com o tempo ficar enfraquecidos em suas funções.
Aprenderemos formas de limpar e potencializar nossos orgãos dos sentidos para que eles estejam em seu melhor estado
 

12º Módulo: A Dança da Vida

O que é a vida em sua constante puslação e mutação? Socialmente somos induzidos a ver a vida como uma competição ferrenha, uma batalha pelo poder e por sucesso pessoal. Certamente existe a competição na natureza e em nossas vidas mas essa é uma entre uma grande variedade de formas de enxergar a vida e nossas relações. Conhecemos a competição como conhecemos a amizade, a afetividade, a fraternidade, a cooperação, a dança, o amor. Podemos ver a vida também como uma eterna dança, uma série de relações e interações em cosntante mutação, do pensamento indiano podemos ver a vida como MahaLeela, um grande jogo divino, uma grande diversão. Celebrar e agradecer é parte fundamental para reconhecermos nossos avanços pessoais, tudo que temos e recebemos da vida, dos processos que concluimos e dos desafios que superamos.

 

Resgate da criança interior

Na infância estamos formando nossa consciência de quem somos, de nosso papel dentro de nossa família, dos grupos e sociedade a que pertencemos. Esse processo inclui momentos turbulentos e dolorosos que deixam marcas profundas em nosso ser, como feridas da alma que podem permanecer abertas e inacessíveis a nossa consciência, causando crenças limitantes, comportamentes repetitivos e obssessivos que muitas vezes não contruibuem para o nosso crescimento e evolução.
                A criança interior nos dá impulso e vontade de ver, olhos inocentes capazes de enxergar a beleza da vida nas coisas simples, a capacidade de nos colocar como aprendizes diantes das pequenas coisas, despertar essa potência é uma fonte maravilhosa para  a gratidão e para a alegria.

               Meditação do riso
               
A risada é uma das coisas mais absurdas e mais agradáveis que experimentamos como humanos. Não se pode compreender ou explicar uma risada, mas podemos sentir sua graça e os efeitos que tem sobre nós.
                Quando rimos verdadeiramente, com nosso ser, naturalmente nossa mente silencia. É através desse silêncio que utilizaremos a risada como um método meditativo.

A dança da vida

Crescemos aprendendo que existem formas certas e erradas de dançar, algumas pessoas são bons dançarinos, outras “não levam jeito”. Essa perspectiva encara a dança como uma performance, onde o dançar é avaliado dentro de padrões estéticos.
                Mas o dançar pode também ser uma metafora da vida e uma expressão profunda do ser. Independente das avaliações, como nos movemos, quais movimentos nos permitimos experimentar, o que não permitimos, o quanto somos repetitivos, ou criatiiivos, o quanto nos expandimos ou nos retraimos? Dançar em liberdade, sem se podar ou orientar por julgamentos externos pode ser libertador e nos ajudar a conhecermos e transformarmos a nós mesmos.

Mahaleela

Mahaleela é o conceito de que a vida é um grande jogo do divino, uma brincadeira em todas as suas facetas. Existe também um jogo baseado nesta visão, um jogo que vai além de um simples passatempo e nos transmite insights e compreensões sobre nossa jornada na vida, em seus altos e baixos. Jogaremos em celebração, nos divertindo com sabedoria e engrandecendo nossa jornada.

Facilitadores

Pedro Sena Peterle

Pedro Sena Peterle

Sou Pedro Henrique, pai do Ravi, praticante e professor de TaiChiChuan estilo Chen, acupuntor, mestre de reiki, e desde bem cedo nutri grande admiração pela natureza e pelas culturas orientais. Iniciei na adolescência a prática das artes marciais e meditação. Após a graduação em Psicologia, me especializei em Acupuntura e iniciei meu estudo no campo da Medicina Chinesa. Para poder compreender de forma mais abrangente sua visão sobre o ser humano, estudei mandarim, cultura chinesa, taoísmo, e tai chi chuan, formado professor pela Galway Taiji Academy. Ao longo desse trajeto, meu amor pela natureza me fez questionar nossa relação com o planeta. Participei de encontros relacionados a ecovilas e permacultura, e passei a acreditar que é possível uma nova forma de viver neste mundo. Sigo estudando e buscando compreender os melhores meios para contribuir para a saúde, minha e de todos os seres. Sigo confiante de que podemos fortalecer e expandir a abundância da natureza e nos relacionar em harmonia, com ela, com nós mesmos e uns com os outros.

Narjara Portugal

Narjara Portugal

Narjara Portugal Silva (@narjportugal) é mãe, filha, neta. Mulher Selvagem, Livre, Daimista, empenhada na sua transformação pessoal, do mundo e das relações. Atua como terapeuta integrativa, realizando vivências em grupo, retiros e atendimentos individuais. Atualmente estuda Ayurveda, o sistema de cura praticado há milênios na Índia. Formou-se em Psicologia em 2013 e neste período dedicou-se à Psicologia Corporal, Bioenergética e Esquizoanálise. Apaixonou-se pela Iridologia, Fitoterapia, Florais, Reiki e iniciou em 2012 seu contato com as medicinas da floresta e tradições dos povos originários. Em 2015 tornou-se mãe do Ravi, vivendo o feminino pessoal de forma intensa e visceral, renascendo deste processo numa trilha de autoconhecimento sobre seu Ser Mulher. Em 2018 iniciou trabalhos voltados ao Despertar e Cura do Feminino, com mulheres e homens, tendo a dança, a expressão corporal e a espiritualidade como ferramentas principais para acessar afetos, memórias e questões profundas da existência. Hoje sua atuação contempla a integração de todas essas práticas, saberes e vivências

Thiago Sudré

Thiago Sudré

Homem medicina. Guerreiro de Luz!

Venho no caminho do autoconhecimento tendo participado de diversos estudos e vivências como Arte de Viver, All Love, Vedanta Camp, 21 dias de Viver de Luz, Vipassana, dentre outros.  

Atualmente tenho repassado conhecimentos da Roda Medicinal Xamânica como Multiplicador e de Hatha e Raja Yoga como Professor, mas também utilizo Reiki, Thethahealing ®, R'XA ® Reekssa, Tarot, Ayurveda e Medicinas da Floresta (Rapé, Sananga, Ayahuasca, etc..) em vivências que facilito.

Minha missão é ser ponto de luz para inspirar outros a seguirem o caminho do autoconhecimento, despertar da consciência e cura planetária!

Keila Shakti

Keila Shakti

Mulher medicina. Anciã desperta num corpo jovem.

Mãe, Psicoterapeuta, Mestre Professora de R'XA ® Reekssa (Sistema Bionergético de Cura Quântica e Holográfica), Terapeuta Xamânica de Resgate de Alma, facilitadora de cursos, workshops e retiros de Xamanismo, Sagrado Feminino, Dança Intuitiva e Maternagem Consciente. Apoiadora de movimentos de resgate às culturas ancestrais, vegana e amante do Ayurveda, a Medicina Milenar da Índia. 

Thaís Gonçalves Webster

Thaís Gonçalves Webster

Instrutora de yoga qualificada em Vinyasa Flow e Yoga Dance, bem como poeta, reikiana, aromaterapeuta e tradutora. Nascida em Cruz Alta, Rio Grande do Sul, sempre foi muito conectada às expressões artísticas do ser, como artes plásticas, escrita, música, artesanato e principalmente com a dança. Foi integrante do grupo Êxtase de Dança Contemporânea de Viçosa/MG, é autora do livro de poesias “O que importa é o que tem dentro” e traduziu "O Livro do Dharma", de Simon Haas. Ao longo de sua jornada, aprendeu a expressar suas emoções através do desenho, da poesia e da dança. Desde 2012, vem se aprofundando no caminho do autoconhecimento, da expansão da consciência, da cura através da arte e da reconexão com a natureza. Thaís também é arquiteta urbanista e permacultora.

FAÇA SEU EVENTO CONOSCO

Vamos cocriar juntos seu evento e fazer ele da melhor maneira possível!

Conheça nossa estrutura