Out
12
Programa Repense

Formação Livre em Saberes Femininos

Instituto Ibietê - Rio Fundo - Marechal Floriano

12 de Outubro de 2019, 09:00h - 20 de Setembro de 2020, 15:00h

A proposta deste eixo é ser vivencial e teórico, trazendo facilitadoras incríveis para compartilhar seus saberes e trabalhos, que conduzirão o grupo a explorar pensamentos, ideias, informações e conhecimentos, assim como a explorar novos movimentos e sensações corporais. Mulheres que buscam cada vez mais manifestar em si e no mundo uma existência mais integrada com a Mulher que se É e com a Natureza, repensando o existir e o se relacionar. Conscientes de que estamos conectadas a uma Força Superior Divina, no propósito maior do Amor, da Paz, da Harmonia, Entrega, Confiança… Irmandade. O Divino está dentro nós. E olhando em semelhança ao redor, o Divino está em tudo e todos.

 

Ao longo de 12 encontros, vamos experimentar no corpo nossa potência como seres humanos, carne, ossos, vísceras, pensamentos, afetos. Ao explorarmos nossa Força Feminina, ao viver as nossas multifacetas, os arquétipos femininos, passamos a compreender e integrar em nossa realidade a Unidade que somos, assim como a Deusa ou Deus ou o que você considerar como uma força maior e sagrada que nos rege, cria e recria a todo instante. Ao resgatar nossa Força Interior passamos a nos conectar ao Feminino e ao Masculino de maneira mais saudável, pois passamos a compreendê-los sob uma nova perspectiva em nós mesmas, em nossas histórias, experiências, crenças e atitudes.

 

Cultivar um olhar mais cuidadoso, amoroso e livre à mulher que se é e ao corpo que se habita, é fundamental para ressignificar e transmutar experiências, inseguranças, medos, angústias e acontecimentos. Trajetórias que fazem parte de nossas vidas, que nos constituem como pessoas, mas que estão longe de definir quem somos. Nos desvencilhando de máscaras e impedimentos, sejam impostos por nós mesmas ou por outras pessoas/situações, podemos viver de maneira sincera e integral, uma vida de auto responsabilidade e escolhas conscientes, parando de funcionar à mercê do externo e se atentando ao que se passa em nosso interior e no Invisível.

 

Informações, discussões e experiências relevantes para o caminhar numa conexão mais profunda e sutil consigo mesma. Amparadas e integradas à Natureza, querida Mãe, em seu Divino Esplendor à nossa volta. Dançando, trocando experiências, partilhando o Alimento, nos fortalecendo em humanidade e celebrando na Fogueira Sagrada o uivar de todas as Lobas!

 

Convido-lhes para essa jornada, irmãs! Vamos juntas, de mãos dadas, pés na Terra e sem limites para os nossos sonhos!

1º Módulo: Sagrado Feminismo

Sagrado Feminismo: o "Ser Mulher" dentro do patriarcado e das questões contemporâneas

É muito comum que se questione, dentro dos movimentos de luta, sejam feministas, de classes ou etnias, a responsabilidade e envolvimento dos círculos de mulheres, grupos de saberes ancestrais, Sagrado Feminino, etc., frente ao debate das questões vivenciadas por mulheres que não se enquadram em uma classe hegemônica, branca, heteronormativa, cisgênera e de condição econômica privilegiada. Sagrado Feminino para quê e para quem? 

Assim, é de extrema importância que iniciemos esse mergulho interior proposto pelo Eixo Temático “Saberes Femininos” do Programa REPENSE a partir de uma visão que vá além da compreensão da existência sagrada das Mulheres e de todos os seres. Faz-se necessário trazer à tona os movimentos sociais, filosofias e discussões que precederam e abriram portas para que os questionamentos referentes aos papéis e deveres sociais das mulheres fossem possíveis e ganhassem visibilidade perante à sociedade.

 ● “Feminismos”

O machismo na nossa sociedade é estrutural e por isso é essencial uma discussão sobre os papéis que são considerados “intrínsecos” das mulheres. Faremos um breve resgate do histórico do feminismo como movimento político e suas diferentes vertentes, sendo que cada linha de feminismo possui uma forma particular de opiniões, ideias e pautas. Vamos ampliar nosso debate conhecendo mais a respeito dessas vertentes e a importância do seu recorte em classe e raça. Também discutiremos sobre a importância da representatividade.

● Ecofeminismo

As mulheres e o meio ambiente têm sido submetidos historicamente à exploração, por isso os movimentos ecológicos e feministas estão intimamente interligados. Nesse encontro vamos discorrer sobre a inaceitável exploração a que estamos submetidas e discutir sobre estudos que indicam uma relação entre a atuação política das mulheres e a sua importância para a conservação do meio ambiente e aumento da equidade de gênero.

● Útero e Ovários como Força Energética

É necessário compreender que todas as mulheres, cis ou trans, com ou sem útero, carregam dentro de si a Força Feminina, pois todas nós possuímos esse potencial no chakra umbilical, o chakra da sexualidade. Vamos discutir em grupo sobre essa questão, para que possamos ampliar nosso olhar sobre a diversidade e multiplicidade das experiências humanas.

● Sagrada Existência

Ao longo deste encontro contaremos com vivências corporais, principalmente com a Dança Livre, e meditações que nos levem a uma maior proximidade e conexão com a Mulher Sagrada que somos. Encarando as sombras, memórias e dores de carregamos em nosso corpo e ventre, para que possamos ensaiar respostas criativas e inusitadas frente a estas. Iremos fortalecer a conexão entre Ventre e Coração.

● Sincronização da Benção Mundial do Útero (Domingo, 13h às 15h30)

Fomos abençoadas com este presente do universo, por ter coincidido uma data do nosso encontro com a Benção Mundial do Útero. Contaremos com a presença da Moon Mother Jo Araujo para conduzir esse ritual de cura ancestral, sintonizadas à força energética de um movimento que estará acontecendo mundialmente.

"Bem dentro de nossos ossos estamos ligadas às nossas Ancestrais Maternas; aos seus traumas, dores, e sofrimentos, e também à sua força, coragem, vivacidade e sabedoria. Dentro de nossos ossos, dentro do nosso DNA, mantemos os padrões de nossas Ancestrais Maternas – a linhagem mitocondrial, passada da mãe para suas filhas e filhos, mas apenas as filhas podem transmiti-la para a próxima geração. Esta meditação tem como foco a cura da linhagem útero-a-útero, nossa teia ancestral." Miranda Gray (adaptado por Jo Araujo)

2º Módulo: Mulher Cíclica

A Mulher é cíclica e, assim como a Natureza, marcada pela impermanência de tudo que é orgânico e vivo. Ou seja, estamos em constante transformação. Nós, mulheres, como representação perfeita da Grande Mãe, temos nossos corpos, emoções e pensamentos influenciados pelos ciclos da natureza, como por exemplo, os ciclos lunar e solar. Ao observar e nos conectarmos de maneira íntima com nosso ciclo menstrual, percebemos que esses ciclos naturais acontecem dentro de nós, vida e morte, dia e noite, luz e escuridão... tempo de sementes adormecidas, tempo de germinação, florescimento, envelhecimento... Podemos compreender a importância de valorizar e respeitar nossos tempos internos, ouvindo as mensagens que nos são enviadas a todo instante, seja pela intuição, pelo corpo, por sonhos, sincronias, etc.

Estar em constante transformação não apenas faz parte de nossa condição humana, mas é imprescindível para a manutenção de nossa saúde física, mental e espiritual. Perceber nossos ciclos é nos empoderar de quem somos, e não mais nos colocarmos como vítimas de nossas transições e mudanças. Nos tornamos donas e mestras de nossas escolhas, de nossa história e de nossa vida.

● Feminino e Ciclicidade

Nosso ciclo menstrual é marcado por quatro fases distintas: pré-ovulatória, ovulatória, pré-menstrual e menstrual. Neste encontro temos a proposta de conhecer essas fases, para que a partir da auto observação possamos perceber a forma como nos manifestamos em cada uma dessas fases, para então utilizar essas energias de acordo com o que queremos e precisamos em cada momento de nossa vida. Dessa forma, o ciclo menstrual torna-se uma potente ferramenta para o Autoconhecimento.

Iremos também repensar o uso dos anticoncepcionais hormonais, assim como o uso desenfreado de medicamentos alopáticos ao lidar com as questões relacionadas à saúde da mulher.

● Arquétipos da Grande Deusa Tríplice: Donzela, Mãe e Anciã

A Deusa Tríplice representa as forças de criação, manutenção e destruição de tudo o que faz parte do ciclo da vida e da Natureza. Um contínuo ciclo de vida, morte e renascimento, representada pela Lua, que nos mostra sempre uma face nova a cada sete dias, mas nunca morre, e que contém os mistérios da Vida Eterna. Ela é a Donzela, a Mãe e a Anciã, representadas pela fases Crescente, Cheia e Minguante, respectivamente. A Lua Nova traz os mistérios da morte e renascimento. A mulher é a máxima representante da Deusa, pois manifesta naturalmente a energia da Deusa Tríplice durante o seu ciclo menstrual. Neste encontro iremos nos aprofundar em cada um desses arquétipos e perceber suas influências quando integrados em harmonia ou desarmonia.

● Mandala Lunar

Trilhando este caminho da observação do ciclo menstrual como uma ferramenta de autoconhecimento, é muito importante que registremos, diariamente, as características físicas, emocionais e mentais que nos encontramos, para que possamos observar os padrões que se repetem em nossas vidas, sejam eles positivos ou negativos. Este módulo também se propõe a orientar sobre o que devemos observar em nós e como podemos fazer essas anotações na Mandala Lunar, um riquíssimo material para nosso estudo pessoal.

● “Plante sua Lua”

Por muito tempo as mulheres estiveram desconectadas de seu ciclo e sangue menstrual, pois foram apresentadas à menstruação e a tudo que envolve a existência de uma mulher, como sendo algo negativo, desimportante e impregnado de pudores. Contudo, este sangue é sagrado e representa a mais pura fertilidade, a possibilidade de se criar uma nova vida. Como nossas ancestrais, honrando e agradecendo à Mãe Terra, devolvemos a ela nosso sangue, com reverência e amor, para que ela transmute tudo que não cabe mais em nossas vidas, tudo que está nos impedindo de manifestar nossas potências e múltiplas facetas em harmonia. Passamos a fazer nossa limpeza com mais consciência do que está sendo trabalhado naquele ciclo.

Neste encontro trocaremos experiências sobre o plantar a lua, como plantar o sangue e ritualizar este momento para desfrutar dos benefícios desta conexão. Falaremos sobre a mudança de consciência para o uso de coletores menstruais e absorventes de pano reutilizáveis, que mobilizam um novo olhar para a menstruação, para a saúde da mulher, para as questões ambientais e de sustentabilidade.

3º Módulo: Sexualidade e Prazer Feminino

Um espaço amoroso de resgate e desenvolvimento dos saberes femininos por meio do Tantra. Nessa experiência vamos mergulhar em vivências para a ativar e equilibrar nossos dois primeiros chacras.

● Qual medo sua alma carrega?

O Muladhara chacra ou Chacra básico, é o responsável pela segurança e é bloqueado pelo Medo. Está localizado no períneo que faz parte do assoalho pélvico. Em sânscrito "Moola" significa “raiz ou fundação” refere-se às nossas funções excretoras e sexuais.

A energia Kundalini, também conhecida como serpente, em seu pleno poder se manifesta em nosso chacra da base, e pode ser expandida e liberada gradativamente na intenção de nos reconectar com o poder da Divindade existente em nosso interior.

● Pelo quê você se culpa?

O Swadhisthana chacra ou Chacra sexual, é o responsável pelo prazer e é bloqueado pela Culpa. É onde nasce a criatividade artística (dança, artes), imaginação e energia vital. É a força motriz da nossa sensualidade e sexualidade. É um chacra muito feminino como dois dos seus elementos, a lua e água, estão ligadas ao ciclo da mulher.

Como acontecem as nossas vivências?

Através de práticas corporais, respiratórias, danças e meditações tântricas. As técnicas de meditação ativa apresentam estágios com atividades físicas, respirações conscientes, danças e finalizam com um estado de relaxamento e silêncio. Uma experiência tremenda de contraste entre a energia da vigorosa atividade física e a quietude.

4º Módulo: Tenda Vermelha

Nos contam as histórias, aquelas contadas em roda, entre mulheres repletas de vida, com seus cabelos trançados e cheios de grama solta, que há muitos milênios as mulheres estavam tão conectadas umas às outras, que menstruavam juntas na Lua Nova. E, mais do que isso, elas aproveitavam esse momento onde o sangue solicita atenção e centramento para se reunirem sob uma Tenda Vermelha, trocando experiências, saberes, ervas, medicinas, cuidados... Dançavam e cantavam em volta do Fogo Sagrado, celebrando a vida, o amor e a grande honra, poder e sabedoria presentes em seu corpo e em todos os seres.

As histórias de nossas heranças se espalham como sementes e germinam em terra fértil. Ouvimos o chamado para estarmos juntas e nos fortalecermos como a irmandade que somos. Aprender juntas, evoluir juntas e compartilhar.

Dançando e sendo guiadas pela sabedoria das ervas, iremos mergulhar em um fim de semana de honra ao Feminino, honra a todas nós, percebendo como as plantas e suas diversas formas de uso podem nos auxiliar no processo de empoderamento e auto responsabilidade sobre nossa saúde, cuidado e conexão com a Força Interna que nos habita.

 

  • Autocuidado

Vamos aprender sobre algumas ervas medicinais e práticas que podemos utilizar em nossa rotina para cuidar de nossa saúde, tanto física quanto energética. Compreendendo que um dos maiores presentes que podemos oferecer a nós mesmas é o tempo, carinho e cuidado em cada gesto e cada ritual que criamos em nossa vida. Vamos aprender sobre Banho de Assento, Vaporização do Útero e Escalda Pés.

  • Proteção e Energização

Iremos compartilhar experiências e aprender métodos e ervas para nos mantermos protegidas e energizadas, como o Banho de Ervas, a Defumação e o ato de abençoar com sua própria intenção, amor e bem querer a outra pessoa, despertando a anciã curandeira que nos habita.

  • Consagração de Rapé

Mergulhando em nós, ouvimos de onde viemos. E pisando essa Terra que habitamos, vindas dela, ouvimos a mata e seus saberes. O Rapé é uma medicina sagrada indígena, sabedoria da floresta Amazônica. Ele nos acompanha ao longo de nossa trajetória e muito nos ensina. Proporciona clareza, consciência, silêncio, cura. Firma nossa intenção, fortalece nossa intuição e nos aproxima de nossos mentores espirituais. De forma respeitosa, compartilharemos nossas experiências a outras mulheres que se sentem chamadas por essa conexão. 

  • Dança Livre

Convidamos você a experimentar no corpo os afetos que lhe atravessam e os bloqueios que lhe impedem de fluir livremente em movimentos, como também pela vida. Restabelecendo uma conexão mais amorosa consigo mesma e com as irmãs à sua volta, de intimidade e amor mútuo, acolhidas pelo Círculo Sagrado formado por nós.

5º Módulo: Poder Pessoal e Amor Próprio

Vamos explorar nosso plexo solar e chakra cardíaco, através de aulas, vivências e meditações, nas quais abordaremos temas como poder pessoal, auto responsabilidade, insegurança, medo, força, auto amor, confiança, amor incondicional, entrega. Vamos reconhecer nosso potencial e alinhar nossa força interior com a nossa missão. Aprenderemos também técnicas de limpeza e proteção energética.

Plexo solar 

Como está o seu poder pessoal? Como está seu nível de energia? Você realiza o que você se propõe a fazer? Você se sente confiante? São questões referentes a este centro de energia do elemento fogo, que iremos trabalhar durante este módulo. 

● Chakra Cardíaco 

Você se sente conectada com o mundo? Você se aceita e aceita o outro? Você se ama? Estas são questões referentes a este centro de energia do amor, que iremos trabalhar durante este módulo. 

● Meditações ativas 

As meditações ativas do Osho nos trazem mais energia e vitalidade, nos permitem lidar com as dificuldades do seu dia-a-dia de uma maneira mais relaxada e com mais autoconfiança, aumentam nossa criatividade e intuição, trazem uma profunda compreensão e aceitação do que somos, melhoram nossa saúde e sensação de bem estar, reduzem o stress e trazem mais alegria e paz para nossa vida. Aqui, vamos utilizá-la para acessar nossa intuição e para nos expressar com mais verdade e profundidade. 

● Descobrindo seu lugar no mundo 

Vamos oferecer algumas ferramentas para te auxiliar a se alinhar com seu propósito de vida. 

● Trabalhando a confiança 

Faremos uma dinâmica para aprender na prática a nos entregar e confiar no outro. 

● Yoga Dance  

Yoga Dance é uma oportunidade de se libertar das ideias limitantes e dançar a nossa dança da forma mais autêntica, e isso é viver artisticamente, independente se você sabe alguma técnica de dança ou não, independente se você pratica yoga ou não. Yoga dance é a união da consciência do yoga com a liberdade da dança.  

No Yoga Dance não vamos aprender a dançar, porque a dança que dançaremos é interna e não precisa ser aprendida, nós já sabemos. Ela precisa apenas ser despertada, através da desidentificação dos padrões que nos limitam. Nossos julgamentos, nossa autocrítica. Aqui não existe certo ou errado, feio ou bonito. Apenas expressão livre e verdadeira.

● Meditação guiada

Faremos uma meditação guiada para acessar a fonte do amor incondicional. 

6º Módulo: Xamanismo Feminino

Um provérbio chukchee declara: “A mulher é por natureza uma xamã”.

A ideia é trazer uma pincelada nos estudos de Xamanismo no Caminho Vermelho (Norte-Americanos), no Caminho Verde (Amazônico) e no Caminho Oriental (Região do Himalaias - Índia, Nepal e Tibet). Trazendo o conhecimentos como:

  • Caminho Vermelho:

A Sabedoria da Roda Medicinal Xamânica:
Aprenda como se conectar com as direções (leste, oeste, norte e sul) para atingir nossos objetivos, assim como com os elementos (fogo, vento, terra, água e éter), com as estações do ano (primavera, verão, outono e inverno), com os ciclos da lua (nova, crescente, cheia e minguante), e a relação disso tudo com o equilíbrio energético dos nossos corpos (físico, mental, emocional e espiritual).
 

Conheça o Nagual (Mundo dos Espíritos) e a Cura com o Resgate de Alma:
Um dos costumes do Xamanismo Norte-Americano é esse estudo fino do Nagual, onde o(a) Xamã se conecta com o paciente, acessa memórias retidas do seu inconsciente que precisam ser resgatadas para curar e trazem à consciência do mesmo.
Através de meditações guiadas, entraremos em jornadas ao inconsciente e acessaremos fragmentos de alma perdidos desde nossa primeira infância. Traremos ao consciente, faremos trocas de relatos e utilizaremos a cura dos(as) Pajés (Xamãs Amazônicos).
 

Entre em auto jornadas com o Tambor Lakota:
Através da vibração de toques específicos de tambor, acessaremos dimensões de consciência que nos levam à um estado meditativo profundo, acessando “mensagens” através de visualizações, pensamentos e sensações.
 

Totem Xamânico de Animais de Poder
Através de meditações guiadas no tambor e do Oráculo Xamânico, descubra quais são os 9 espíritos guardiões que te acompanham (de cima, de baixo, de dentro, norte, sul, leste, oeste, masculino e feminino) e aprenda como utilizar a força de cada um deles no seu dia a dia.

  • Caminho Verde:

Acesse a Força de Pajés Curandeiras, Rezadeiras e Benzedeiras:
Aprenda Benzimentos e Curas com ervas, maracá, rezos e canto da alma e chanupa (faremos o uso ritualístico do cachimbo com rezos de proteção e banimento e também falaremos sobre o tabaco e suas funções medicinais).
 

Vivencie a Expansão da Consciência através das Medicinas da Floresta:
Ao longo da imersão vivenciaremos algumas experiências em roda com as medicinas do rapé (preparo em pó feito de cinzas de casca de árvore, tabaco, pó de ostras, folhas secas (...) aplicado nas narinas através de um sopro) e da sananga (colírio extraído de raízes de árvore -Tabernaemontana Sananho- batidas com água).
Na noite de Sábado teremos uma Cerimônia Xamânica com Ayahuasca com o tema ‘Curandeiras”, invocando nossa ancestralidade feminina de Pajés Curandeiras, Rezadeiras, Benzedeiras e Caboclas da mata! (saiba mais sobre os efeitos da Medicina da Ayahuasca)

Benefícios do uso da Ayahuasca:
Cura física e emocional, limpeza e equilíbrio energético.
“Cada vez que conduzimos uma Cerimônia Xamânica com Ayahuasca, os buscadores de luz que cuidam de sua saúde física e emocional recebem invariavelmente uma limpeza e equilíbrio de seus corpos sutis mais densos, deixando neles uma sensação de soltura, de bem-estar físico, como se houvessem retirado um peso de sua cabeça.
Essa limpeza energética é parcialmente produto da limpeza física que também ocorre em todos os seus órgãos vitais, tão logo tenha expulsado suas toxinas através dos sistemas de eliminação. A harmonia resultante é “o equilíbrio energético” ou “a limpeza”. Lembrança de memórias reprimidas.
Quando seu processo de ascensão assim o requerer, pode-se abrir memórias reprimidas em seu subconsciente, guardadas alí para sua própria proteção durante muito tempo, através de maravilhosos sistemas de proteção desenhados para assegurar sua sobrevivência física, a continuação da espécie. No entanto, esse mecanismo tem um custo existencial. Muitos milhões de espaços siderais seguem emaranhados como um nó de energia muito apertado, que ao desatar-se com ajuda da medicina, não só recorda a memória reprimida como também cria a possibilidade de integrar o dito espaço liberado com energias de ascensão. Num primeiro momento causa uma sensação de alta satisfação espiritual, assombrando-lhe por algo que pensava não existir - nesse ponto verá como seu paradigma anterior se modifica com essa nova peça daquilo que podemos chamar de “enigma do autoconhecimento”-. Num segundo momento causa um merecido sentido de esperança através da sensação de ser um com Deus!”

  • Caminho do Oriente:

Xamanismo Ancestral da Índia Antiga:
Vivenciaremos de perto a antiga sabedoria da Sagrada Tradição de Shiva Shankara (O Pai do Xamanismo e do Yoga), dos mantras, da bhakti-yoga, da meditação, das jornadas, do conhecimento ritualístico dos brâhmanes da Índia e dos jhankris do Nepal. 
 

Os Quatro Caminhos do Xamanismo
Como despertar e vivenciar os 4 arquétipos dos 4 Caminhos de uma Xamã: Curadora, Guerreira, Mestra e Visionária (de acordo com os princípios do Xamanismo Ancestral).
 

Reekssa - Reiki Xamânico Ancestral
Totem Xamânico dos Chakras: Através de meditações guiadas, acoplaremos a força dos animais guardiões que ressoam com cada chakra para equilibrá-los em auto-aplicações de energia.
 

Aprenda Poderosos Mantras Ancestrais
Tenha a oportunidade de vivenciar a força dos mantras para invocação e evocação de forças cósmicas para proteção, banimento, elevação, prosperidade, e muito mais! 

 

7º Módulo: Expressão Pessoal e Intuição

Vamos começar a explorar os chakras superiores através de aulas, meditações, vivências e danças, para nos conectar com nosso ser intuitivo e para que possamos nos expressar com mais verdade, confiança e liberdade.

Chakra Laríngeo 

Você é uma boa ouvinte? Você é capaz de se expressar claramente? Você é criativa? Você se sente em sintonia com a vida? Vamos trabalhar estas questões de várias maneiras e vamos olhar para nosso canal de expressão e comunicação. Antes de tudo, vamos compreender racionalmente do que se trata este centro de energia, o que causa bloqueios ou excessos e o que fazer ao identificar estes desequilíbrios.  

● Ajna Chakra 

Você consegue enxergar sua vida em um contexto maior? Como é sua capacidade de visualizar? Você consegue enxergar novas possibilidades para resolver problemas? Você tem sonhos vívidos? Você tem experiências extra sensoriais? Vamos olhar para dentro, para este centro de energia através do qual conhecemos a nós mesmos.  

Pranayamas  

A ciência moderna concluiu que a prática de pranayamas proporciona um maior controle do subconsciente. Através do controle da respiração podemos afetar o sistema de ativação reticular, ou seja uma área cerebral responsável pelo consciente e o subconsciente. Com isso, o que antes estava escondido, ficará claro e poderemos identificar traumas e padrões de comportamento enraizado, relacionados ao chakra da garganta. Ao iluminar essas áreas, o processo de cura se inicia. 

● Vivências 

Faremos diversas vivências para trabalhar nossa forma de se expressar e a nossa visão interna. 

● Yoga Dance 

Yoga Dance é uma oportunidade de se libertar das ideias limitantes e dançar a nossa dança da forma mais autêntica, e isso é saber se expressar, independente se você sabe alguma técnica de dança ou não, independente se você pratica yoga ou não. Yoga dance é a união da consciência do yoga com a liberdade da dança.  

No Yoga Dance não vamos aprender a dançar, porque a dança que dançaremos é interna e não precisa ser aprendida, nós já sabemos. Ela precisa apenas ser despertada, através da desidentificação dos padrões que nos limitam. Nossos julgamentos, nossa autocrítica. Aqui não existe certo ou errado, feio ou bonito. Apenas expressão livre e verdadeira.

● Conto da Vasalisa

Exploraremos o conto da Vasalisa, do livro Mulheres Que Correm Com Os Lobos, de Clarissa Pínkola Estés, compreendendo suas simbologias e como elas se manifestam em nós.

8º Módulo: Maternidade, Gestação e Parto

Neste módulo vamos nos debruçar sobre a forma como estamos acostumadas a enxergar a maternidade, no gestar, no parir e no criar. Saindo da romantização e nos conectando ao que é real e visceral. Vamos trazer informações importantes para todas as mulheres, mães ou não, pois todos, sem exceção, saímos do útero de uma mulher.

  • Parto Humanizado

Para mudar o mundo é necessário mudar a forma de nascer! Vivemos em uma sociedade onde o sistema capitalista e o sistema médico desconsideram o protagonismo da mulher no parto e na gestação. Ao longo dos anos o parto deixou de ser um acontecimento familiar e do lar e passou a ser tratado como algo mecânico, tecnológico e repleto de intervenções médicas. Felizmente, nos últimos anos, há um poderoso resgate por parte das mulheres do seu protagonismo. Neste encontro traremos discussões e informações relevantes sobre Parto Humanizado, fortalecendo e empoderando as mulheres para que se informem e façam escolhas conscientes no que diz respeito ao seu gestar e parir. 

  • Criação com Apego

Teremos uma Roda de Conversa sobre Criação com Apego e como ela nos orienta a uma forma mais humana de criar nossos filhos, com maior compreensão, conexão e entrega.

  • Comunicação Não Violenta

Você consegue comunicar ao outro suas necessidades? Você sabe expressar suas emoções e pensamentos sem agredir ou ser violento com o outro? Neste encontro falaremos sobre Comunicação Não Violenta e seus pilares, para que possamos nos relacionar e nos comunicar com o outro de forma mais assertiva e afetiva. 

  • Vivência entre Mães e Filh@s

Na intenção de potencializar a conexão com noss@s filh@s e com nossa criança interior, neste encontro vamos vivenciar um momento de muita alegria, música, trocas, arte e amor junto às crianças que estiverem presentes no final de semana! Semeando novos gestos, ações e posturas em nossa vida e junto a esses seres que gestamos, criamos e amamos, um momento para dedicar-se e curtir juntos, sem interrupções e distrações. 

 

9º Módulo: Ginecologia e Ayurveda

O Ayurveda é uma área de conhecimento milenar védica. Trata-se de uma das medicinas mais antigas do mundo, tendo seus tratados clássicos com datas de até 5000 anos. Na Índia, esse grandioso saber, entre outros, são chamados de Shastras, o que denota sua importância. Shastra é o nível físico de conhecimentos divino. Acredita-se que esses saberes foram acessados, recebidos dos deuses para utilização da população e manutenção da saúde, potencializando a vida em suas capacidades máximas. 

O Ayurveda significa ciência da vida em uma de suas traduções. Nos fala sobre como viver bem, como alcançar a saúde verdadeira, o que é diferente da ausência de doenças. Como o bem estar que alcançamos com a saúde pode nos levar ao nosso propósito e, com isso, promover a verdadeira felicidade. O verdadeiro e profundo objetivo da Ayurveda é promover a felicidade, que é o propósito de todos os seres vivos. E para ser feliz é preciso estar em equilíbrio com sua natureza constitucional, pois assim é possível fluir em direção ao seu propósito de ser plenamente feliz. Consequentemente, a plena saúde está inteiramente relacionada à boa alimentação, aos bons hábitos de vida e redução de hábitos danosos à saúde.   

  • Os Doshas e suas Características

Para entender os Doshas, primeiramente vamos entender qual a relação do Ayurveda com  os elementos da natureza. No Ayurveda acreditamos que tudo, exatamente tudo, é constituído por qualidades e características que são encontradas nos elementos da natureza: o Espaço ou Akasha, o Ar ou Vayu, a Água ou Jala, o Fogo ou Agni, e a Terra ou Prithivi. Cada um desses elementos se integra ao outro e contém características distintas. 

Entendendo que tudo se constitui desses elementos, nós também assim somos, os alimentos também são, as estações do ano, as horas do dia... Podemos sempre relacionar  os elementos da natureza a todas as coisas. Os doshas, então, são pares desses elementos que constituem tudo que existe. Espaço (Akasha) e Vento (Vayu) formam o Dosha Vata, Água - pouco (Jala) e Fogo (Agni) formam o Dosha Pitta.  Água - bastante (Jala) e Terra (Prithivi) formam o Dosha Kapha. Nós possuímos em nossa constituição os três doshas, mas normalmente um predomina na nossa essência. 

Neste encontro iremos aprender sobre os Doshas, suas características predominantes e como podemos mantê-os em harmonia por meio dos nossos hábitos diários e alimentação, destacando os de maior relação com a Saúde da Mulher.   

  • As Qualidades (Gunas) 

Gunas são qualidades que constituem a tudo que existe. Como por exemplo, quente, frio, seco, oleoso, móvel, imóvel, penetrante, fluído, etc… Qualidades que encontramos nos elementos da natureza, como o Fogo é quente, penetrante, a Água que é fria e maleável, o Vento que é seco, tem movimento, a Terra que é firme, sólida, estável. 

Iremos aprender sobre as principais características e qualidades de alguns alimentos, especiarias e ervas medicinais importantes para a manutenção da Saúde da Mulher, visando equilibrar os Doshas e os Gunas que estão em excesso ou falta. É uma constante busca da harmonia na dinâmica dos elementos em nós.

  • Desarmonias

Existem inúmeras doenças e desequilíbrios tratados na medicina ocidental com  metodologias que contém inúmeros efeitos colaterais à nossa saúde. Remédios e tratamentos que, muitas vezes, são exaustivos e não necessariamente sensíveis às sutilezas energéticas das pessoas.

Para o Ayurveda existem níveis de doenças. Normalmente, para uma doença chegar a um nível crônico, antes ela passa por níveis mais sutis, que poderiam ser tratados com mais facilidade. Entre esses desequilíbrios podemos citar a TPM agressiva, enxaquecas, fluxo intenso e irregular, cólicas intensas, retenção de líquidos, etc. 

  • Ervas Medicinais para os Ciclos Femininos

Vamos falar e utilizar as ervas medicinais que se relacionam com os Ciclos Femininos para harmonização destes.

  • Práticas de Autocuidado

Existem inúmeras práticas que podem ser feitas diariamente ou durante o período menstrual que ajudam a aliviar os sintomas. Neste encontro vamos aprender técnicas que nos auxiliam a cuidar e assumir a responsabilidade sobre nossa saúde. Afinal, ninguém melhor para nos conhecer e saber o que o nosso corpo necessita do que nós mesmas. Essas práticas contém oleações, jejum, chás, inclusão de determinados alimentos e especiarias na alimentação, dentre outros.

 

10º Módulo: Mulher Búfalo Branco

O vento frio do Inverno toca nossa pele e nos diz “É chegado o tempo de se renovar e purificar.”. Ele nos convida a passarmos mais tempo dentro de casa, dentro de nós mesmas, nos preparando para o período de crescimento e florescimento que virá com a Primavera. Tudo parece adormecido, mas nessa dormência um dos maiores crescimentos está acontecendo. No Inverno temos a oportunidade de rever tudo aquilo aprendemos e compartilhamos em nossa vida, amparadas pela sabedoria e força da nossa ancestralidade, sábia e anciã, nos guiando para novas visões a respeito de nós mesmas, de nossas relações e de toda humanidade.

Neste encontro seguiremos pela experimentação da Direção Sul: portal da sabedoria, do conhecimento, do intelecto. Representa o Corpo Mental. O Sul é local de paz e silêncio. Onde aprendemos a escutar e compreender. É direção da Honra, ao outro e principalmente aos ancestrais.

Começo e fim, morte e vida, nova vida embutida numa morte aparente. A lição do Inverno é a dádiva. A nossa maior responsabilidade é compartilhar com os outros a dádiva do nosso conhecimento adquirido na jornada, sabendo que quanto mais amor damos, mais recebemos. Um dos presentes do inverno é a compreensão intuitiva dessa dádiva. Junto com esta compreensão as faculdades psíquicas se encontram mais ativas, como por exemplo, os sonhos, visões e insights.

● A Mulher Búfalo Branco

Dentro do Xamanismo, o Búfalo Cósmico é o símbolo do Universo em seu aspecto temporal, lunar, morrendo e ressuscitando sempre, e suas 28 costelas representam os ciclos da lua. Um símbolo de renovação. A Mulher Búfalo Branco carrega em si a força de seus ancestrais, a força de seu rezo e da fumaça sagrada de seu cachimbo. Neste encontro contaremos com rituais, rezos e cânticos para acessar nossa força ancestral e anciã, nos preparando para os ensinamentos que receberemos do Inverno.

● Elemento Ar

Uma das coisas que mais representa o Elemento Ar é o movimento constante, mudanças, locomoções, assim como o pensamento. O vento é suave e também ventania. Vamos voar por experimentações corporais e pela dança livre, vivenciando o Ar em movimento, afetos e sensações, aprendendo a escutar o vento que assopra dentro de nós.

● Silêncio

No silêncio podemos aquietar nossos pensamentos e ouvir a voz do coração. Vamos praticar o silêncio, para que haja esse silenciamento interno, fundamental para que possamos seguir integrados ao nosso Eu Superior. 

Constelação Sistêmica & Tai Chi Chuan Estilo Chen

  • Constelação Sistêmica

Seremos conduzidas a entender nossas relações ancestrais e da nossa vida familiar atual, trazendo para consciência nossas mais profundas crenças e desbloqueando tudo que nos impede de sermos plenas e felizes.

  • Tai Chi Chuan Estilo Chen

Ouça o seu corpo, acalme a sua mente e eleve o seu espírito: um processo de autoconhecimento através do Tai Chi Chuan.

Esta vivência em Tai Chi Chuan, arte marcial interna chinesa, vai ajudar você a equilibrar, integrar e fortalecer o seu corpo e a sua mente, aumentando o fluxo natural de Qi (energia vital) para uma vida mais saudável e feliz! Vamos iniciar uma jornada de autoconhecimento e autocura através da nossa força interior, com técnicas do Chen Tai Chi e do Kung Fu, vivências, meditações, além da parte teórica e conceitual sobre a visão chinesa do funcionamento energético e fisiológico do corpo.

Corpo

Neste módulo iremos abordar questões referentes aos benefícios físicos que o Tai Chi pode lhe proporcionar. Conquiste um corpo forte e saudável e aumente a sua consciência corporal trabalhando sua coordenação motora e condicionamento físico. O Tai Chi traz inúmeros benefícios para a saúde da mulher, pois trabalha todos os órgãos internos e glândulas do corpo, principalmente o baixo ventre do corpo. Assim, auxilia no equilíbrio hormonal, no fluxo sanguíneo, regulação do ciclo menstrual e das cólicas, aumento da fertilidade, dentre outros.

Mente

Conecte-se com om a prática desta meditação ativa, que combina respiração diafragmática profunda e habilidades cognitivas, também lhe trará uma mente mais calma e focada e reduzirá os níveis de stress e ansiedade, que tanto nos afetam no mundo contemporâneo.

Espírito

Quando você está em um movimento espiralado, você está seguindo um fluxo cósmico. Movimente o corpo, a mente e o espírito e sinta a sua energia interna vibrando com o Universo. Se você busca ter mais qualidade de vida, bem-estar e elevar a sua conexão espiritual, sem dúvida, o Tai Chi é um meio.

Técnicas que serão abordadas

Técnicas de Defesa Pessoal

Desenrolando o Fio de Seda

Qi Gong

Ba Duan Jin

12º Módulo: O Vôo da Águia Dourada

O canto dos pássaros anuncia a Abundância da Primavera. Tempo de entusiasmo, criatividade, novidade, onde todas as coisas são possíveis. Tempo de despertar. Neste encontro, o último de nossa jornada, vamos despertar corpo, mente e espírito para a Primavera. Integrar, reverenciar e agradecer os Saberes e Experiências que compartilhamos ao longo deste ciclo de Amor, Verdade, Comunhão e Alegria. É o milagre de um novo nascimento para si. A Primavera está relacionada à Direção Leste. É no Leste que o Sol nos saúda todas as manhãs. Nosso Pai, que nos permite a existência. Cujo calor faz brotar em nossos corações o renascer e a vontade de explorar o novo. A Direção Leste está associada à Claridade, à Iluminação. Novos começos, novos crescimentos, novos florescimentos.

Vamos juntas criar e expandir o Novo que desejamos, fortalecidas e com mais clareza e consciência de quem Somos. Em nosso pleno poder de criação, expandir nossa luz interna, nosso Sol Interior. Firmes no propósito de libertar-nos dos velhos lugares que nos impedem de recomeçar, voemos ao Alto acompanhadas da Águia Dourada, permitindo que ela clareie e expanda nossa Visão sobre a vida.

  • Elemento Fogo

O Fogo transmuta, eleva, expande. Ele energiza e purifica, assim como pode ser igualmente destruidor e penetrante. Vamos explorar o Fogo que queima dentro de nós, o fogo do nosso Espírito Divino, assim como o fogo transformador das nossas ações, criações e da nossa Dança.

  • Florescimento e Expansão

Chegou a hora de florescer, mostrar ao mundo quem se É! Neste encontro contaremos com Rituais, Meditações, vivências de expressão corporal e Dança Livre, para favorecer o desabrochar da Mulher Medicina, Selvagem e Sagrada que nos habita e nos convida a viver com coragem, presença e totalidade as aventuras da vida. 

 

Facilitadores

Narjara Portugal Silva

Narjara Portugal Silva

Narjara Portugal Silva (@narjportugal) é mãe, filha, neta. Mulher Selvagem, Livre, Daimista, empenhada na sua transformação pessoal, do mundo e das relações. Atua como terapeuta integrativa, realizando vivências em grupo, retiros e atendimentos individuais. Atualmente estuda Ayurveda, o sistema de cura praticado há milênios na Índia. Formou-se em Psicologia em 2013 e neste período dedicou-se à Psicologia Corporal, Bioenergética e Esquizoanálise. Apaixonou-se pela Iridologia, Fitoterapia, Florais, Reiki e iniciou em 2012 seu contato com as medicinas da floresta e tradições dos povos originários. Em 2015 tornou-se mãe do Ravi, vivendo o feminino pessoal de forma intensa e visceral, renascendo deste processo numa trilha de autoconhecimento sobre seu Ser Mulher. Em 2018 iniciou trabalhos voltados ao Despertar e Cura do Feminino, com mulheres e homens, tendo a dança, a expressão corporal e a espiritualidade como ferramentas principais para acessar afetos, memórias e questões profundas da existência. Hoje sua atuação contempla a integração de todas essas práticas, saberes e vivências.

Fátima Passos

Fátima Passos

Mãe, Mulher, Filha, Amiga, Viajante nesse Universo Chamado EU,

Facilitadora de Grupos de Constelação Familiar Sistêmica e Xamânica.

Facilitadora de Terapias Quânticas como Barra de Access e Processo de Corpo, ThetaHealing e Reiki. Psicodramatista, Practitioner em Programação Neurolinguística, Facilitadora do Método Ame-se e Cure a Sua Vida de Louise Hay.

Keila Shakti

Keila Shakti

Mulher medicina. Anciã desperta num corpo jovem. Mãe, Psicoterapeuta, Mestre Professora de Reekssa ® (Sistema Bionergético de Cura Quântica e Holográfica), Terapeuta Xamânica de Resgate de Alma, facilitadora de cursos, workshops e retiros de Xamanismo, Sagrado Feminino, Dança Intuitiva e Maternagem Consciente. Apoiadora de movimentos de resgate às culturas ancestrais, vegana e amante do Ayurveda, a Medicina Milenar da Índia.

Jo Araujo

Jo Araujo

Moon Mother Avançada, Reiki, Oráculo das Deusas, Facilitadora de Círculo de Mulheres, Artista visual em construção.

Marina Gomes de Figueiredo

Marina Gomes de Figueiredo

Sou bióloga formada em 2005 e desde os primeiros anos da graduação trabalho com conservação. Tenho buscado diferentes ferramentas para conservar e manejar o meio ambiente, fiz mestrado e doutorado voltados para genética da conservação. Durante o doutorado conheci a agroecologia e tenho me aproximado desses preceitos desde então. Fiz especialização em agroecologia e estou trabalhando com o Grupo de Agricultura Ecológica Kapi’xawa desde 2018. Espero encontrar soluções, dentro das fundamentações agroecológicas, para um desenvolvimento sustentável associado à conservação do meio ambiente e concomitante com a viabilidade econômica.

Gabriella Gabriel Ramaldes

Gabriella Gabriel Ramaldes

Sou bióloga recém formada pela UFES. Desde sempre procurando incessantemente formas de trabalhar e pensar sobre as questões ambientais e de conservação, buscando uma forma de deixar o mundo mais consciente de sua relação com o planeta, durante a graduação me envolvi brevemente com o coletivo de Agroecologia Casa Verde e conheci um pouco da possibilidade de atuação da Agroecologia no mundo, me apaixonei pela Agroecologia e pela Educação Ambiental que é onde acredito poder transformar a sociedade através da percepção dinâmica e didática sobre como somos parte da natureza, e não um ser fora dela, num fluxo comunidade e meio ambiente. Decidi trabalhar com os saberes tradicionais de plantas medicinais em culturas afrodescendentes, me aproximando ainda mais das plantas. Cultivo desde então um carinho especial pelas plantas medicinais e agora, no instituto Ibietê pretendemos unir esses saberes nas nossas Agroflorestas.

Gislene Ataíde - Anand Devyani

Gislene Ataíde - Anand Devyani

Terapeuta corporal tântrica, vibracional e Coach de relacionamento e sexualidade. Atende com Terapêutica Tântrica, com Coaching de Relacionamentos e Sexualidade, com Massagem Tântrica e Facilita Grupos de pessoas abertas ao autoconhecimento e interessadas em temas como: Autoestima, Relacionamentos, Sexualidade e Espiritualidade. Também facilita Práticas Corporais e Meditações Ativas em empresas e para pessoas físicas.

Thaís Gonçalves Webster

Thaís Gonçalves Webster

Instrutora de yoga qualificada em Vinyasa Flow e Yoga Dance, bem como poeta, reikiana, aromaterapeuta e tradutora. Nascida em Cruz Alta, Rio Grande do Sul, sempre foi muito conectada às expressões artísticas do ser, como artes plásticas, escrita, música, artesanato e principalmente com a dança. Foi integrante do grupo Êxtase de Dança Contemporânea de Viçosa/MG, é autora do livro de poesias “O que importa é o que tem dentro” e traduziu "O Livro do Dharma", de Simon Haas. Ao longo de sua jornada, aprendeu a expressar suas emoções através do desenho, da poesia e da dança. Desde 2012, vem se aprofundando no caminho do autoconhecimento, da expansão da consciência, da cura através da arte e da reconexão com a natureza. Thaís também é arquiteta urbanista e permacultora.

Dâmaris Ferrari

Dâmaris Ferrari

Dâmaris Ferrari, capixaba, 30 anos, publicitária, pós graduada em marketing e professora de Tai Chi Chuan estilo Chen.

FAÇA SEU EVENTO CONOSCO

Vamos cocriar juntos seu evento e fazer ele da melhor maneira possível!

Conheça nossa estrutura