Out
26
Programa Repense

Formação Livre em Expressões Artísticas e Corporais

Instituto Ibietê - Rio Fundo - Marechal Floriano

26 de Outubro de 2019, 09:00h - 27 de Setembro de 2020, 15:00h

A conexão com a arte nos ajuda a restabelecer a saúde, o equilíbrio físico, mental e emocional, proporcionar autoconhecimento, revelar habilidades desconhecidas e proporcionar melhor qualidade de vida. Quando vivenciamos processos da arte, encontramos meios de nos resolver internamente e compreender o mundo. 

O objetivo desta jornada no mundo artístico é romper com as crenças limitantes, com a autocrítica e os julgamentos, permitindo a criação livre de expectativas. É se permitir ser. É se permitir transcender as emoções, traduzindo-as para a linguagem da arte. É desenvolver a criatividade inerente em todos nós, resultando na realização pessoal e ao mesmo tempo na conexão com a intuição. É permitir que o divino se manifeste através de nós.

A livre expressão faz com que o indivíduo vivencie a arte de forma integrada com todas as áreas de conhecimento, dando oportunidade de nos recriarmos e participar mais ativamente como indivíduos inteiros. Cada módulo despertará seu potencial artístico latente de maneira única.  Aquele potencial que todos nós temos, e que só precisamos nos permitir. Vamos redescobrir nossas aptidões e as memórias ancestrais que habitam em nosso corpo. É sobre materializar o espírito, e espiritualizar a matéria. E também sobre entender como a arte está em tudo o que vemos e sentimos, como ela é importante nossas vidas, sua simplicidade e os prazeres que ela pode nos trazer. Junte-se a nós para aprender a se permitir ser tudo que você já é!

 

Módulo 1: O Despertar Criativo

Este módulo trata de despertar o ser criativo e sensível que habita em nós. Vamos reconhecer e transmutar tudo aquilo que nos impede de criar. Vamos aprender a acessar a nossa intuição, através de meditações ativas e meditações guiadas. Vamos aprender sobre como ser mais criativos. Falaremos sobre energia sexual, que é a energia criativa. Vamos aprender a deixar fluir a energia criativa e romper nossos bloqueios com práticas de Yoga Dance, que traz a consciência do Yoga juntamente com a liberdade da Dança, com o objetivo de nos libertar de nós mesmos.

É importante considerar que, antes de nos tornarmos artistas, é necessário vivenciar o ato de nos aproximarmos de nós mesmos e de nossas emoções. Todo artista deve ser capaz de criar dentro de si, quando necessário, um estado de espírito que lhe permita realizar o desempenho artístico dele exigido. Essa atitude é uma faculdade que o artista adquire ao observar seus sentimentos, aprendendo a transformá-los ou fazê-los nascer novamente. Isso implica, portanto, na expansão das potencialidades do ser, pois ao tornar-se livre interiormente, torna-se capaz de se expressar sem limites. A relação entre vida e liberdade se concretiza muito mais numa postura interna de não ter medo de ser e de se expor.

O que nos impede de criar?

Ao fazermos essa pergunta, é necessário olhar para dentro. Vamos identificar padrões inconscientes que nos impedem de alçar vôo na vida. Na verdade somos nós mesmos que não nos permitimos criar. São os julgamentos, condicionamentos, medos, as expectativas. Isso tudo é comum na sociedade em que vivemos, que nos molda e controla o tempo todo, para que possamos cumprir determinados papéis no sistema. Saiba que a vida acontece quando saímos da zona de conforto. Podemos ser muito mais, do que uma simples personagem que apenas repete padrões de comportamento.

Crenças limitantes

Sabe aquela desculpa que você dá para si mesmo para não iniciar algo novo? Crenças limitantes são as interpretações e os pensamentos que assumimos como verdade e que nos impedem de desenvolver as competências, habilidades e emoções. 

Por exemplo, não sou criativo, não tenho paciência, não sou bom o suficiente, não sei dançar, não tenho musicalidade, não posso, não consigo, não sei, e por aí vai. Percebe como o fato de acreditar nessas crenças te limita? Então prepare-se para desconstruí-las e reprogramar sua mente.

Acessando o lado direito do cérebro 

Na sociedade em que vivemos, é muito comum exercitarmos apenas o nosso lado racional. Desde o começo do aprendizado, somos incentivados a usar a mão direita, que está relacionada com o lado esquerdo do cérebro, o da razão. Assim, nossa sabedoria inconsciente, a intuição, é deixada de lado. 

Como podemos então alcançar o equilíbrio entre os dois lados e integrar nosso ser para melhorar nossa capacidade de tomar decisões? 

Kundalini: o que é, como e por que despertar

Vamos desvendar alguns mistérios dessa energia latente que todos temos e que também está presente em cada átomo do universo.

Trabalharemos uma meditação ativa, que pode ser feita regularmente, com o objetivo de despertar esta energia cósmica e unificá-la com Siva, a Consciência Pura difundida em todo o universo. Vale frisar que o despertar da Kundalini não é a meta final e sim o início de uma transformação de consciência que expandirá a nossa capacidade de conhecer o infinito.

Módulo 2: Cura pela Arte

Este módulo fará uma introdução ao mundo da arte. Vamos aprender sobre as formas de expressão do ser, de forma geral, e vamos analisar algumas obras, relacionando-as com os contextos históricos em questão, buscando sentir o que o artista sentia. Vamos aprender sobre como transformar as emoções em energia criativa. Vamos nos conectar com a energia do 5º chakra, o chakra da garganta, através do qual expressamos nossos sentimentos, nossas intenções e desejos, nossas ideias, compreensões e percepções dos mundos interiores. É o centro da comunicação e da audição, da receptividade e da criatividade. Vamos aprender sobre a influência das cores sobre nossas emoções, em uma aula sobre cromoterapia e também faremos uma vivência de arteterapia, para interpretar o que nosso inconsciente tem a nos dizer através de sua linguagem simbólica.

A arte tem o papel de agir como reflexo para o aperfeiçoamento moral e instrutivo do sujeito. Ao ampliar este conceito e valorizar este campo de estudo e de criação, a arte torna-se uma possibilidade de elevação do espírito, tanto no processo de criação, quanto no ato de contemplação da obra artística. 

O que é arte?

A arte tem o papel de agir como reflexo para o aperfeiçoamento moral e instrutivo do sujeito. Ao ampliar este conceito e valorizar este campo de estudo e de criação, a arte torna-se uma possibilidade de elevação do espírito, tanto no processo de criação, quanto no ato de contemplação da obra artística.

Quando apreciamos uma obra de arte temos nossos sentidos provocados, instigados e estimulados, descondicionando-os, a partir daí, as possibilidades de viver e se organizar no mundo se multiplicam. 

Transformando as emoções em energia criativa

Por que não usar as emoções a nosso favor? Afinal, se elas são um gatilho para a ação, podemos usar esta energia de forma criativa, para sair de uma situação que nos incomoda, para resolver um problema, para escrever um poema.

Não há nada de errado com a raiva ou com o medo, o problema está quando não sabemos expressar essas emoções. Quando fazemos isso, elas ficam represadas em nosso corpo e impedem que a energia criativa flua livremente.

Curando o chakra da comunicação

A comunicação está relacionada com o quinto chacra, que fica na frente da garganta e serve como ponte entre pensamentos e sentimentos, impulsos e reações, transmitindo ao mesmo tempo o conteúdo de todos os chakras ao mundo exterior.

Através do chacra da garganta expressamos tudo o que vive em nosso interior, o nosso riso e o choro, nossos sentimentos de amor e de alegria bem como o medo e a raiva, nossas intenções e desejos, nossas ideias, compreensões e percepções dos mundos interiores. É o centro da comunicação e da audição incluindo a clariaudiência, da receptividade e da criatividade, do acesso ao padrão etérico. Através do quinto chacra, também desenvolvemos a capacidade de autorreflexão. 

Faremos uma vivência e uma prática de Yoga Dance, com foco na cura deste centro de energia.

Arteterapia

Arteterapia é o termo que designa a utilização de recursos e técnicas artísticas em contextos terapêuticos, pressupondo que o processo do fazer artístico tem o potencial de cura, assim como de avaliação, de reabilitação, de prevenção na área da saúde mental, física, emocional e espiritual.

A Arteterapia é também um caminho pelo qual cada indivíduo pode encontrar possibilidades de expressão para processar, elaborar e redimensionar dificuldades e conflitos de sua vida. A Arteterapia utiliza, para isso, as linguagens expressivas da arte, tais como: plástica, sonora, dramática, corporal e literária envolvendo as diferentes técnicas de cada uma. Por exemplo: desenho, pintura, modelagem, construção, sonorização, musicalização, dança, drama e poesia.  

No processo arteterapêutico, o papel do profissional arteterapeuta é fundamental porque é com ele que o indivíduo constrói uma relação de confiança, que facilita a ampliação da consciência e do autoconhecimento e, ao mesmo tempo, possibilita mudanças comportamentais, emocionais, sociais e afetivas. O profissional arteterapeuta acolhe de maneira criativa os processos de transformação do outro. Portanto, teremos uma arteterapeuta qualificada para facilitar esta vivência. 

Módulo 3: Aquarelas do Inconsciente

Neste módulo aprenderemos a nos expressar com aquarela, aprendendo as técnicas e praticando bastante! Vamos aprender sobre a linguagem do inconsciente, segundo a visão junguiana, interpretando esses símbolos através da arteterapia. Também vamos aprender sobre os sonhos e como interpretá-los. Além disso, teremos práticas de dança, yoga dance e meditações guiadas, para acessar a nossa intuição e liberar nossa energia criativa.

Técnicas de pintura aquarela

Convidamos o artista Pedro Lukas Trindade para compartilhar seus conhecimentos nesta técnica de pintura. Portanto, vamos mergulhar no mundo das cores e faremos muita prática em aquarela!

Como tudo na vida, esta arte requer estudo e dedicação, portanto, serão ensinados alguns exercícios que podem ser treinados e aperfeiçoados diariamente.

Jornada do Animal de poder

No xamanismo, os animais de poder correspondem às características que necessitamos desenvolver, aprender e manifestar em determinado momento de nossa vida. O animal de poder é uma manifestação de uma força interior que atua como um Guia interno, é uma forma que representa nossa personalidade ou comportamento é como se fosse o nosso guardião que nos protege e nos guia.

O encontro com o animal de poder é realizado através de uma viagem Xamânica, ao som de tambor, em uma meditação guiada para reencontrá-lo, resgatar a sua força, aprender a usar a força que vem deste animal em determinadas situações, descobrir suas qualidades e entender quais as características que estão latentes e que podem despertar neste reencontro.

A Linguagem do Inconsciente

Nosso inconsciente se expressa através de símbolos e uma das funções de nossa consciência é decodificar estes símbolos. Às vezes, em situações dramáticas e conflitantes, ou apenas do cotidiano, estas imagens surgem do nosso inconsciente para nos mostrar aonde está o conflito e nos guiar a uma solução. E esta guiança se faz através de símbolos, seja em sonhos, seja através de imagem que atrai nossa atenção no dia-a-dia ou uma música que fica gravada em nossa mente.

Nessa experiência vivencial, vamos propor conhecer e nos conectar um pouco mais com a uma técnica de tinta aguada para conectar com as imagens do inconsciente e buscar ouvir o que este universo simbólico interior tem para lhe dizer.

Módulo 4: Libertação através da Dança

Quem dança seus males espanta! Então, prepare-se para espantar todos os males, pois este módulo será dançante! Vamos reaprender a dançar, pois já nascemos sabendo, precisamos apenas nos relembrar. Vamos nos conectar com o poder transformador da dança e aprender a dançar com as nossas emoções. Iremos descobrir as crenças limitantes que nos impedem de dançar a vida e que nos impedem de ser quem somos. Iremos explorar a dança como potência criativa em vivências de contato e improvisação, meditações dinâmicas, danças circulares e Yoga Dance.

 

O poder transformador da dança

Desde sempre a humanidade dança duplicando e imitando a Natureza, dançar era primordialmente algo sagrado e uma forma de nos conectarmos com o Espírito. Dançar num estado de transe era uma forma de aceder aos poderes curadores do Espírito.

Seja através de movimentos previamente estabelecidos, como uma coreografia, seja através de movimentos improvisados, como na dança livre, a dança envolve a expressão de sentimentos que ela própria potencializa. 

Além da sua expressão artística, a dança pode ser utilizada para o autoconhecimento, lazer, potencialização da criatividade e como forma de comunicação, já que as pessoas, a vida e o mundo se expressam através de movimento. 

Danças e ritos

A dança é uma das formas de expressão mais antigas da humanidade. Nas sociedades primitivas significava a celebração do nascimento e da morte, da luz e da sombra, do bem e do mal. Hoje em dia dançamos preocupados com o olhar do outro, preocupados com a estética da nossa dança e com os julgamentos, muitas vezes vindos de nós mesmos. Nos esquecemos da origem da própria dança: uma origem de cura, expressão e reconhecimento do nosso próprio ser, livre e selvagem.

A dança cósmica de Shiva

A dança de Shiva é a dança da matéria subatômica e como na mitologia hindu, trata-se de uma contínua dança de criação e evolução, destruição e renascimento, envolvendo a totalidade do cosmos e constituindo a base de todos os fenômenos naturais.

Os chakras e as emoções

Os chakras são portas através das quais a energia é atraída para o corpo e depois dispersada. Numa pessoa sadia, os sete principais centros de energia estão abertos e giram. Quando uma pessoa adoece, em geral há bloqueios nos chacras.

Tudo no corpo está ligado a esses centros energéticos. Os chacras absorvem a força vital universal (prana ou chi) e a enviam através dos rios de energia do corpo (nadis ou meridianos) para o sistema nervoso, as glândulas endócrinas e o sangue para nutrir o corpo. 

Os bloqueios destes campos energéticos ocorrem pela falta de controle dos corpos mental e emocional, ou seja, os chakras são afetados pela toxicidade dos pensamentos e emoções. Existem diversas técnicas para limpar, energizar e alinhar os chakras, as quais devem ser feitas frequentemente, para manter nosso equilíbrio interno.

Yoga Dance: a dança dos chakras

Yoga Dance é uma oportunidade de se libertar das ideias limitantes e dançar a nossa dança da forma mais autêntica, e isso é viver artisticamente, independente se você sabe alguma técnica de dança ou não, independente se você pratica yoga ou não. Yoga dance é a união da consciência do yoga com a liberdade da dança.

No Yoga Dance não vamos aprender a dançar, porque a dança que dançaremos é interna e não precisa ser aprendida, nós já sabemos. Ela precisa apenas ser despertada, através da desidentificação dos padrões que nos limitam. Nossos julgamentos, nossa autocrítica. Aqui não existe certo ou errado, feio ou bonito. Apenas expressão livre e verdadeira.

Dança do animal de poder

Dançar o nosso animal de poder permite-nos incorporar de uma forma não verbal, as suas qualidades, as suas características, a sua sabedoria e os ensinamentos que necessitamos neste momento específico ou no futuro.

No xamanismo, os animais de poder correspondem às características que necessitamos desenvolver, aprender e manifestar em determinado momento de nossa vida. O animal de poder é uma manifestação de uma força interior que atua como um Guia interno, é uma forma que representa nossa personalidade ou comportamento é como se fosse o nosso guardião que nos protege e nos guia.

Danças circulares

Também conhecida como Dança Circular Sagrada, é um excelente instrumento para o crescimento pessoal e educação da sensibilidade, além de oferecer inúmeras aplicações nas áreas da arte-educação, saúde, trabalhos comunitários, gestão de pessoas e no desenvolvimento de habilidades e competências que favoreçam o trabalho em equipe.

Módulo 5: Arte e Estados Alterados de Consciência

Desde a infância, buscamos alterar nosso estado de consciência. Um exemplo disso são as crianças que, intuitivamente brincam de rodar em torno de si para ter aquela sensação de “ver o mundo girando”.

O ato de expandir a consciência nos traz visões, passadas, futuras, ou mesmo ações no presente e traz uma realidade mais tangível, de forma bem expressiva, ampla e espiritual. E a representação plástica das experiências de expansão da consciência, é chamada de arte visionária, sendo um dos instrumentos mais poderosos para a investigação de tais experimentações. 

O estado de Flow

O estado de flow, que em português quer dizer fluxo, é um estado mental de operação em que a pessoa está totalmente imersa no que está fazendo, caracterizado por um sentimento de total envolvimento e sucesso no processo da atividade. Proposto pelo psicólogo Mihaly Csikszentmihalyi, o conceito tem sido utilizado em uma grande variedade de campos.

A arte e a conexão com o divino

“A arte é a contemplação: é o prazer do espírito que penetra a natureza e descobre que ela também tem uma alma” Auguste Rodin, escultor francês.

Expansão da consciência

A expansão da consciência é a ampliação das percepções sobre nós mesmos e em relação ao universo. Quando ampliamos nossa consciência rompemos barreiras da percepção, enxergamos uma realidade maior e começamos a escapar das ilusões e dos medos.

Expressão artística com estados alterados de consciência

Os artistas visionários usam tudo que há a sua disposição – desde mantras e meditações a enteógenos – para acessar os diferentes estados de consciência em seus diferentes níveis que transcendem o nosso modo de percepção ordinária. Faremos uso de algumas dessas ferramentas durante este módulo.

Yoga Dance

 Yoga Dance é uma oportunidade de se libertar das ideias limitantes e dançar a nossa dança da forma mais autêntica, e isso é viver artisticamente, independente se você sabe alguma técnica de dança ou não, independente se você pratica yoga ou não. Yoga dance é a união da consciência do yoga com a liberdade da dança.  

No Yoga Dance não vamos aprender a dançar, porque a dança que dançaremos é interna e não precisa ser aprendida, nós já sabemos. Ela precisa apenas ser despertada, através da desidentificação dos padrões que nos limitam. Nossos julgamentos, nossa autocrítica. Aqui não existe certo ou errado, feio ou bonito. Apenas expressão livre e verdadeira.

Módulo 6: Arte Meditativa

Neste módulo exploraremos a arte como uma forma de meditação. Iremos aprender sobre os tipos e estágios da meditação. Vamos falar de prana e energia criativa. Aprenderemos sobre os pranayamas, os exercícios respiratórios do yoga que expandem a nossa energia vital. Faremos oficinas de mandalas têxteis e de macramês. Para completar a experiência meditativa, exploraremos o mundo da meditação em movimento, com aulas de Tai chi e de Yoga Flow.

O que é meditação

Existem muitos equívocos quanto a definição de meditação. Muitos ensinam que meditar é esvaziar a mente, outros que é acalmar a mente, e outros não ensinam nada, só te deixam lá sentado se virando sozinho. A verdade é que meditação não tem a ver com acalmar os pensamentos, muito menos eliminá-los. No entanto, uma mente calma é uma condição prévia indispensável para a atividade meditativa. Neste módulo, discutiremos sobre o que seria de fato meditar. 

Prana: energia criativa

Vamos aprender sobre a fonte de toda a energia criativa. Prana são átomos de luz, a energia criadora do universo! 

Meditação em movimento

Em linhas gerais, corresponde a um conjunto de atividades que você provavelmente já conhece mas nunca associou a esse nome. É o caso, por exemplo, do yoga, do tai chi, do chi kung e até de práticas como a caminhada meditativa. Todas elas são capazes de trazer uma série de benefícios para a saúde da mesma forma que a meditação passiva. Por serem realizadas em movimento, podem se encaixar muito bem às suas necessidades e preferências, além de poderem ser praticadas em grupo.

Mandalas Têxteis

Vamos aprender a praticar a arte meditativa das mandalas, que são centros de energia capazes de equilibrar, purificar e transmutar as energias. É uma atividade simples e profunda, que promove um estado meditativo e limpa o corpo emocional, nos auxiliando a enfrentar medos e bloqueios. É uma ferramenta que atua na redução do stress e da ansiedade, no desenvolvimento pessoal, no desenvolvimento da criatividade, no autoconhecimento e também pode te impulsionar a uma mudança de estilo de vida. 

Macramé

O Macramê é uma técnica de tecer fios que não utiliza nenhum tipo de maquinaria ou ferramenta. É uma forma de tecelagem manual. Trabalhando com os dedos, os fios vão se cruzando e ficam presos por nós, formando cruzamentos geométricos, franjas e uma infinidade de formas decorativas. Também vamos aprender esta técnica, que é simples, 

Módulo 7: Mandala Terapia

As mandalas são centros de energia capazes de equilibrar, purificar e transmutar as energias. É uma atividade simples e profunda, que promove um estado meditativo e limpa o corpo emocional, nos auxiliando a enfrentar medos e bloqueios. É uma ferramenta que atua na redução do stress e da ansiedade, no desenvolvimento pessoal, no desenvolvimento da criatividade, no autoconhecimento e também pode te impulsionar a uma mudança de estilo de vida. E para energizar nossos centros de energia internos, teremos aulas de Yoga Dance e Yoga Flow.

O poder das Mandalas

Compreender o poder das Mandalas, sua história e seus inúmeros benefícios é essencial para todo nosso processo de criação. Segundo Jung, a mandala se encontra na própria alma humana, aparecendo nos sonhos e em diversas imagens criadas pelo nosso inconsciente.

Meditação Ativa e Passiva

A meditação é a base do nosso processo criativo e intuitivo. Portanto, faremos um mergulho no mundo dessa ferramenta de evolução.

Cores e Sentimentos

As cores são grandes responsáveis pelo poder vibracional de uma Mandala, e também tem um impacto direto nas nossas emoções. Sendo assim vamos compreender sobre suas energias e como trabalhar a harmonia cromática. Também vamos aprender a criar nossa Mandala com uma intenção e propósito.

Preparação

Existem alguns detalhes essenciais que devem ser considerados para iniciarmos a prática de criar mandalas, como a organização do nosso ambiente de trabalho, a consciência com o nosso corpo e como lidarmos de forma positiva com as frustrações.

Criando sua Mandala

Depois de toda a carga teórica, detalhes essenciais e preparatórios, chegou a hora de deixar a criativdade fluir!

Yoga Dance

Yoga Dance é uma oportunidade de se libertar das ideias limitantes e dançar a nossa dança da forma mais autêntica, e isso é viver artisticamente, independente se você sabe alguma técnica de dança ou não, independente se você pratica yoga ou não. Yoga dance é a união da consciência do yoga com a liberdade da dança.

No Yoga Dance não vamos aprender a dançar, porque a dança que dançaremos é interna e não precisa ser aprendida, nós já sabemos. Ela precisa apenas ser despertada, através da desidentificação dos padrões que nos limitam. Nossos julgamentos, nossa autocrítica. Aqui não existe certo ou errado, feio ou bonito. Apenas expressão livre e verdadeira. 

Módulo 8: Expressões da Natureza

A natureza é infinitamente expressiva, e sabemos que ela repete alguns padrões em suas obras. Neste módulo iremos aprender sobre como a natureza se expressa, e vamos nos inspirar em suas formas, para aprender a nos expressar melhor, afinal o que existe fora, também existe do lado de dentro. Desvendaremos os segredos das geometrias sagradas. Falaremos sobre os fractais e Fibonacci. Na prática, faremos oficinas de filtro dos sonhos, e aprenderemos a desenhar plantas, trazendo a sensibilidade do olhar para o papel, utilizando a técnica de desenho com nanquim. Para completar, vamos nos conectar também com nossa natureza interior, através de práticas de Yoga Flow e Yoga Dance.

Geometrias Sagradas

São basicamente geometrias que representam a consciência da criação, o movimento da consciência pela realidade, contidas tanto no microcosmo como no macrocosmo. São relações de formas e proporções consideradas sagradas em diversas áreas de expressão humana, como na música, na arquitetura, na geometria. Neste módulo vamos nos aprofundar um pouco neste estudo.

Fibonnacci e os Fractais

Um fractal é um objeto geométrico não euclidiano, que pode ser dividido em partes, cada uma das quais semelhante ao objeto original. Diz-se que os fractais têm infinitos detalhes, são geralmente similares e independem de escala. Em muitos casos, um fractal pode ser gerado por um padrão repetido, tipicamente um processo recorrente ou iterativo.

Oficina de filtro dos sonhos

Segundo o xamanismo, são teias de luz feitas por aranhas míticas, para proteger os sonhos e a vida dos seres humanos. São originários dos povos indígenas norte-americanos. Segundo a lenda, representa o ciclo da vida. Devemos usar para ajudar a alcançar objetivos, fazendo bom uso das ideias, sonhos e visões. 

Desenho de plantas

Vamos desenvolver um olhar mais sensível para representar artisticamente a natureza em nossa volta, utilizando a técnica de lápis e/ou nanquim.

Módulo 9: Musicoterapia

Neste módulo aprenderemos a utilizar a ferramenta da musicoterapia no caminho da autocura. A música revela e altera campos e impulsos eletromagnéticos tanto de pessoas quanto de ambientes. Os sons sagrados emitidos com amor e reverência reverberam no ambiente e na atmosfera curando pessoas, pela sintonia plena com a natureza, o planeta e o universo.

A música nos toca de forma muito profunda. Traz cura e pode trazer tanto emoções positivas como negativas. A musicoterapia melhora o humor, a atenção, concentração, a memória, traz lembranças profundas, estimula a capacidade interativa e de comunicação, aumenta a motivação, criatividade e determinação. Além disso, ajuda a tratar depressão, ansiedade e estresse. 

Vamos ter uma oficina de confecção de sino dos ventos, cujos sons têm poder altamente curativo sobre nosso corpo, trazendo paz e bem-estar. Também aprenderemos a perceber o que cada música nos traz e explorar a resposta do nosso corpo diante diferentes estilos de música nas práticas de Yoga Dance. Além disso meditaremos ao som de instrumentos xamânicos em volta da fogueira. 

Venha aprender a utilizar os benefícios da música, inserindo-a em suas atividades diárias, para se sintonizar da melhor forma possível e garantir seu bem-estar e a eficiência nas suas ações. 

A música e as emoções

A música nos toca de forma muito profunda. Traz cura e pode trazer tanto emoções positivas como negativas. A musicoterapia melhora o humor, a atenção, concentração, a memória, traz lembranças profundas, estimula a capacidade interativa e de comunicação, aumenta a motivação, criatividade e determinação. Além disso, ajuda a tratar depressão, ansiedade e estresse.

A música pode alterar e liberar partes reprimidas inscritas em nosso corpo. O ser traz consigo as marcas de sua história, em forma de movimento; apreendemos padrões de movimento que nos ditaram o que fazer ou deixar de fazer. Ao longo da história a música esteve presente e influente nas sociedades. Tão antiga quanto o homem, a Música Primitiva era usada para exteriorização de emoções.

Os sons e os chakras

No hinduísmo, a nossa anatomia sutil é constituída de centros de força denominados chakras e cada um desses centros vibra em determinado tom e cor. Esses centros estão distribuídos energeticamente ao longo da coluna vertebral e por ressonância atuam no nosso corpo físico. Visualizar a cor do chakra e cantar o som que lhe corresponde cura o corpo e a mente.

Oficina de sino dos ventos

Os sons produzidos pelos sinos dos ventos têm poder curativo sobre o nosso corpo. Eles acalmam o pensamento humano e despertam a alma. A vibração e ressonância do som têm a capacidade de liberar o estresse e os bloqueios emocionais do corpo, acalmando a mente. Uma mente tranquila, expande a consciência e promove a conexão com o espírito. Então, os sinos dos ventos causam uma conexão entre corpo, mente e espírito, trazendo a sensação de bem-estar e paz.

Yoga nidra com frequências binaurais

As frequências binaurais são sons ou batidas que escutamos em oscilações diferentes, capazes de estimular o nosso cérebro e até alterar o seu comportamento. Para conciliar essa diferença, o órgão sincroniza o funcionamento dos hemisférios esquerdo e direito. Isso gera uma nova frequência.

As ondas binaurais são usadas para ajudar no relaxamento e no realinhamento da nossa energia. São muitas as vantagens que elas trazem não só para a nossa mente, mas também para o nosso corpo, como por exemplo controlar a ansiedade e o estresse; reprograma o subconsciente; aumenta a criatividade; diminui a agitação; minimiza os distúrbios do sono; melhora a prática de meditação; aumenta o foco e a memória; estimula a criatividade; ajuda no relaxamento profundo; contribui para a concentração e os estudos.

Musicalidade ancestral

Vamos nos conectar com a nossa ancestralidade, em volta da fogueira, e experimentar instrumentos intuitivos, como a flauta xamânica, a bacia de cristal, o tambor xamânico. Diversos e distintos textos antigos, considerado sagrados, falam sobre a importância de apenas fazer o som, quer se trate de cânticos, percussão, ou falando em línguas (como os fundamentalistas, carismáticos fazem). Eles são apenas diferentes maneiras pelas quais as pessoas estão acessando níveis mais profundos de si mesmas. Devido à música carregar ressonância matemática, as frequências são capazes de inspirar a humanidade espiritualmente a fim de que se reconheçam como seres divinos.

Yoga Dance

Yoga Dance é uma oportunidade de se libertar das ideias limitantes e dançar a nossa dança da forma mais autêntica, e isso é viver artisticamente, independente se você sabe alguma técnica de dança ou não, independente se você pratica yoga ou não. Yoga dance é a união da consciência do yoga com a liberdade da dança.

No Yoga Dance não vamos aprender a dançar, porque a dança que dançaremos é interna e não precisa ser aprendida, nós já sabemos. Ela precisa apenas ser despertada, através da desidentificação dos padrões que nos limitam. Nossos julgamentos, nossa autocrítica. Aqui não existe certo ou errado, feio ou bonito. Apenas expressão livre e verdadeira.

Módulo 10: Expressão Teatral e Fotográfica

Este módulo é direcionado para amadores, sendo um dia destinado à expressão teatral e o outro para aprender técnicas e conceitos básicos de fotografia. Vamos trazer ferramentas das artes cênicas para melhorar a comunicação e o contato interpessoal para profissionais de diversas áreas, , com uma atriz que tem mais de 40 anos de experiência.

Expressão teatral

Esta vivência será ministrada por Margareth Galvão, atriz, diretora e dramaturga, com ampla experiência no teatro e no cinema. A oficina promete ensinar muito mais do que apenas atuação. Trata-se de conhecer um pouco mais sobre as artes cênicas e estimular o potencial criativo, através de exercícios e jogos teatrais de maneira lúdica e prazerosa. Trabalharemos concentração e criatividade, tão necessários para a vida além do teatro. Os alunos irão aprimorar a expressão corporal e o uso da voz, portanto trataremos nossas relações interpessoais e situações de falar em público.

Introdução a Fotografia

Neste módulo você aprenderá a desenvolver seu olhar para a fotografia. Conversaremos sobre a história da fotografia, sobre noções básicas de fotografia e sobre a câmera como dispositivo de registro e expressão artística. O conteúdo foi programado para quem ama fotografia, e não necessariamente deseja se tornar um(a) fotógrafo(a) profissional, mas quer aprender a fazer registros de forma mais inspiradora. As aulas terão conteúdo teórico e prático, porque não existe melhor jeito para treinar o olhar do que fotografando. 

Módulo 11: Escrita Criativa

Muitos acreditam que a escrita criativa é um dom, mas a verdade é que somos todos contadores de histórias. Assim, essa é uma prática que pode ser desenvolvida se você treinar, utilizar algumas técnicas e cultivar bons hábitos. A escrita criativa é a arte de produzir um conteúdo da forma menos engessada, automática e óbvia possível. Em outras palavras, trata-se de elaborar um texto atrativo, interessante e capaz de prender a atenção do leitor do início ao fim.

Serão utilizados alguns elementos da criatividade, como a inovação, as figuras de linguagem, os exemplos, as analogias, as histórias e a imaginação. Além disso, utilizaremos também algumas ferramentas do yoga, como pranayamas (exercícios respiratórios para estender a energia vital), yoga nidra (ou sono consciente) e meditações ativas para conseguir acessar o lado direito do cérebro. Vamos aprender com leveza e seriedade a acessar nossa intuição, trazendo nosso potencial criativo à superfície. 

Poesia

Aprenderemos a expressar o que já temos dentro de nós, com palavras que estão impressas em nosso subconsciente, e que só precisam de uma luz para serem vistas e trazidas à superfície. Quando o sentimento e a racionalidade se encontram, tudo vira poesia. E quando expressamos o que sentimos através da escrita, liberamos esses sentimentos e emoções, que antes estavam contidos, e podemos olhar para eles com carinho e amorosidade. Podemos nos compreender melhor e observar nossa jornada de crescimento através desses registros.

Criando uma narrativa

O texto narrativo é uma das formas mais eficazes de contar histórias. Ele reúne uma série de elementos que se completam para conferir lógica aos acontecimentos, além de torná-los mais interessantes para o leitor.

Teatro

A linguagem do teatro ajuda a experimentar, por meio da representação, outras realidades e infinitos pontos de vista e pode ser utilizada em qualquer lugar. A prática desenvolve técnicas de oratória e retórica, a expressão corporal, a interpretação de texto e estimula a criatividade.

Yoga Nidra

Yoga Nidra é um relaxamento consciente, uma técnica de natureza tântrica, cujo objetivo é atingir um relaxamento verdadeiro, envolvendo o campo físico, mental e emocional, estabelecendo uma conexão direta com as frequências do nosso organismo. Nidra significa sono, durante a prática de Yoganidra, parecemos estar dormindo, porém a consciência atua em um nível profundo e interior, entre o sono e a vigília, gerando um contato entre o subconsciente com o inconsciente, proporcionando um contato íntimo com a nossa criatividade. 

Meditações ativas

As meditações ativas do Osho nos trazem mais energia e vitalidade, nos permitem lidar com as dificuldades do seu dia-a-dia de uma maneira mais relaxada e com mais autoconfiança, aumentam nossa criatividade e intuição, trazem uma profunda compreensão e aceitação do que somos, melhoram nossa saúde e sensação de bem estar, reduzem o stress e trazem mais alegria e paz para nossa vida. Aqui, vamos utilizá-la para acessar nossa intuição e para nos expressar com mais verdade e profundidade.

Módulo 12: Arte Elementar - Oficina de Cerâmica

Neste módulo vamos estudar as origens da arte da cerâmica e vamos aprender a resgatar esse conhecimento ancestral que habita em nós. Vamos aprender as técnicas e então soltar a criatividade para confeccionar objetos utilitários, decorativos, esculturas, etc. 

A proposta é introduzir as pessoas que nunca tiveram contato com argila a experimentarem. Vamos conhecer o processo “da modelagem em argila até a cerâmica vitrificada”. 

Cerâmica e as Civilizações Ancetrais

No início era o barro – e não somente o verbo ou o Caos. Em tempos que os seres humanos estavam mais conectados à natureza, ela era considerada uma divindade poderosa e respeitada, sagrada e misteriosa.

Podemos refletir muito sobre a história das civilizações ancestrais através da cerâmica. Afinal, foi um dos poucos materiais que sobreviveram ao tempo, assim, os arqueólogos puderam ter subsídios para identificar e explicar como viviam nossos antepassados. A cerâmica era feita com diversas finalidades práticas e funcionais, de uso cotidiano (recipientes usados para alimentar o corpo) ou ritualístico (recipientes usados para alimentar a alma). 

Mão na Massa

Vamos aprender as técnicas e fazer experimentações para nos familiarizarmos com o material.

Vamos soltar a criatividade e criar objetos utilitários ou objetos de arte em argila. As peças modeladas na oficina de cerâmica serão entregues posteriormente, queimadas em biscoito e na alta temperatura. 

Argiloterapia 

Momento para trabalhar a argila no corpo como parte de cura e reintegração com a Mãe Terra.

Facilitadores

Thaís Gonçalves Webster

Thaís Gonçalves Webster

Thaís Gonçalves Webster é instrutora de yoga qualificada em Vinyasa Flow e Yoga Dance, bem como poeta, reikiana, aromaterapeuta e tradutora. Nascida em Cruz Alta, Rio Grande do Sul, sempre foi muito conectada às expressões artísticas do ser, como artes plásticas, escrita, música, artesanato e principalmente com a dança. Foi integrante do grupo Êxtase de Dança Contemporânea de Viçosa/MG, é autora do livro de poesias “O que importa é o que tem dentro” e traduziu "O Livro do Dharma", de Simon Haas. Ao longo de sua jornada, aprendeu a expressar suas emoções através do desenho, da poesia e da dança. Desde 2012, vem se aprofundando no caminho do autoconhecimento, da expansão da consciência, da cura através da arte e da reconexão com a natureza. Thaís também é arquiteta urbanista e permacultora.

 

Mariana Nascimento

Mariana Nascimento

Bacharel em Artes Plásticas pela UFES, estudante finalista do curso de Arteterapia pelo Instituto Fênix de Ensino e Pesquisa, tem formação em Aromaterapia, facilitadora de SoulCollage e programa Mindfulness, entusiasta do uso da arte e de plantas para a expansão da consciência e cura interior, atua como facilitadora de grupos e vivências terapeuticas e educadora na obra social do Colégio Sagrado Coração de Maria.

Pedro Lukas Trindade

Pedro Lukas Trindade

Desenhista desde a infância, tem descoberto na aquarela uma paixão cada vez maior. Pinta e desenha por hobby, como forma de aprimorar e conciliar conhecimento e expressão. Sonha em ser professor.
Pensa a arte como metáfora capaz de revelar novas nuances pra vida, e busca nela um contato com o mistério subjacente às coisas simples.
Se inspira principalmente em idosos, crianças e mulheres para pintar, procurando uma expressão que seja cada vez mais sugestiva, e não evidente, por meio de cores e formas difusas em direção à uma atmosfera onírica.

Lívia Vicentini

Lívia Vicentini

Licenciatura em Artes Visuais / Especialista em Educação Especial / Psicoterapia Holística Tântrica / Master Reiki / Terapia Regressiva / Terapia Ho'oponopono / Pós-Graduação em Hatha Yoga / ThetaHealer / Terapia Craniossacral / Magnified Healing / Cromoterapia / Parapsicologia, Sobrevivência e Estrutura da Personalidade / Cursando Pós-Graduação Psicologia Junguiana: Arte, Corpo e Imaginário

Maria do Carmo Pulcheri Frechiani

Maria do Carmo Pulcheri Frechiani

Farmacêutica Bioquímica pela Faculdade de Farmácia e Bioquimica do ES (FABAES) e Mestre em Quimica de Produtos Naturais pela UFRJ, possibilitando-a atuar como Professora Universitária na área de medicamentos pela FAFABES e UFES. Idealizadora e coordenadora de vários projetos educativos na área socio ambiental, dentre eles, Um Remédio para a Vida, Aquilo que foi será Luxo, Vamos salvar o papel do lixo e na área de atenção farmacêutica com o Projeto Horto Vivo atendendo comunidade no Parque Horto de Maruípe- Vitoria-ES,  possibilitando-a vivenciar experiências em lideranças ambientais no Canadá. Fez diferentes Cursos de Formação em Danças Circulares, primeiramente com Lucia Cordeiro nas modalidades Cantos e Danças Indigenas, Cirandas e Afoxés e Matrizes Europeias. Seguindo esse movimento, aprofundou os conhecimentos cursando a XV Edição de Formação Giraflor Danças Circulares e mais recentemente na Formação Livre em Dança Circular pelo Instituto Fenix. Tem participado desde 2008 de worshops, festivais e encontros de Danças Circulares em todo Brasil. Focalizadora de Danças Circulares do Grupo Em Natural Harmonia Danças Circulares em 2018. Atua como Terapeuta Quântica utilizando diferentes caminhos, como a Terapia Floral Quântica, a Iridologia Comportamental, Cromoterapia, Reiki. Facilitadora de Vivências de Constelação Familiar, Estrutural e Quântica desde 2017. 

Margareth Galvão

Margareth Galvão

Margareth Galvão é atriz, diretora e dramaturga com estreita e produtiva relação com o cinema feito no Espírito Santo. A carreira nos palcos começou aos 19 anos estudando na Escola Fundação das Artes, em São Paulo. 

No Espírito Santo atuou no filme “Lamarca” de Sérgio Resende, “O amor está no ar (1997)”, produção capixaba dirigida por Amylton de Almeida, entre outros.

Com o cineasta capixaba Rodrigo Aragão, a atriz participou de três produções: “A noite dos Chupacabras (2011)”, “Mar Negro (2012)” e “As Fábulas Negras (2014)”.

Valéria Bada

Valéria Bada

Valéria Bada atua como tatuadora e ilustradora. Em seu processo artístico se inspira nas diversas formas orgânicas que a natureza e a espiritualidade se apresentam para cada ser individual dentro da sua expressão na unicidade do todo.
Sua jornada é marcada pela escuta e o carinho em ilustrar os pedidos que cada templo apresenta em um processo de cura através da arte ancestral da tatuagem com expressão marcada por traços finos e pontilhismo.
Eterna buscadora , encontra na arte a sua missão em um eterno aprendizado das inúmeras fases que se apresentam pelo caminho do coração.

Daniel Souza

Daniel Souza

Empreendedor apaixonado por inovação social e sustentabilidade // Facilita workshops sobre empreendedorismo, criatividade e inovação. Sócio Co-criador da Grão Germinadora, uma aceleradora de projetos que desenvolve pessoas para germinarem soluções para problemas reais // Atua em startups e organizações, no papel de Diretor de Marketing e Gestor de Projetos. Futurista, acredita no design do invisível para criar futuros desejáveis // Hoje ajuda pessoas a conceber e evoluir ideias e transformá-las em negócios que tenham um impacto socio-ambiental positivo alinhado com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU // Graduando em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda pela UVV e investigador de novas economias, novas tendências para cocriar um novo mundo colaborativo.

Keila Shakti

Keila Shakti

Mulher medicina. Anciã desperta num corpo jovem. Mãe, Psicoterapeuta, Mestre Professora de Reekssa ® (Sistema Bionergético de Cura Quântica e Holográfica), Terapeuta Xamânica de Resgate de Alma, facilitadora de cursos, workshops e retiros de Xamanismo, Sagrado Feminino, Dança Intuitiva e Maternagem Consciente. Apoiadora de movimentos de resgate às culturas ancestrais, vegana e amante do Ayurveda, a Medicina Milenar da Índia.

Thiago Sudré

Thiago Sudré

Homem medicina. Guerreiro de Luz!

Venho no caminho do autoconhecimento tendo participado de diversos estudos e vivências como Arte de Viver, All Love, Vedanta Camp, 21 dias de Viver de Luz, Vipassana, dentre outros. 

Atualmente tenho repassado conhecimentos da Roda Medicinal Xamânica como Multiplicador e de Hatha e Raja Yoga como Professor, mas também utilizo Reiki, Thethahealing ®, R'XA ® Reekssa, Tarot, Ayurveda e Medicinas da Floresta (Rapé, Sananga, Ayahuasca, etc..) em vivências que facilito.

Minha missão é ser ponto de luz para inspirar outros a seguirem o caminho do autoconhecimento, despertar da consciência e cura planetária!

FAÇA SEU EVENTO CONOSCO

Vamos cocriar juntos seu evento e fazer ele da melhor maneira possível!

Conheça nossa estrutura